Disputa em Gravataí embaralha com impugnação de Bordignon e acidente com dr. Davi

O processo eleitoral em Gravataí, RS, sede da GM, Grande Porto Alegre, está cada vez mais tumultuado.

Além da impugnação, ontem, da candidatura do ex-prefeito Daniel Bordignon, decisão do TRE, outro candidato bastante competitivo, o médico e ex-vereador dr. Levi caiu dentro do próprio comitê de campanha , quebrando o pulso, que teve vários tendões prejudicados, e o tornozelo. O pulso atingido é o da mão esquerda. O médico é canhoto.  Ele foi submetido a delicada cirurgia no hospital local, o Dom João Becker.

As pesquisas eleitorais mais recentes de Gravataí indicam que o atual prefeito, indicam que Bordignon liderava as intenções de votos. Seu afastamento, permitirá que o atual prefeito, Marco Alba, PMDB, consolide a posição de líder.

3 comentários:

Anônimo disse...

E quando vão impugnar a candidatura do Vannazzi em São Leopoldo?
Fixa mais suja impossível,e petralha.

Marcelo disse...

É "DR. Levi"

Marcelo disse...

O Danrlei ta direto fazendo campanha pra Levi, e o Alba parece que vai ser impugnado tbm.