Roberto Jefferson sai da prisão e insinua que tem informações sobre o Petrolão

Ao deixar o Instituto Penal de Niterói neste sábado para terminar de cumprire sua pena em casa, o ex-deputado mensaleiro afirmou que se falar, a Justiça pode voltar a prendê-lo.

O prisioneiro continua mandando no PTB. Manobra tudo via sua filha, que é deputada federal e preside o Partido.

No Mensalão, também se duvidou do que sabia o petebista, mas ele detonou todo mundo, menos Lula, a quem preservou, mesmo sabendo de toda a verdade.

Um comentário:

Anônimo disse...

Acredito que o Roberto Jefferson não tinha provas contra o Lula, senão não iria deixar ser preso e livrar o chefe da quadrilha, naquele discurso memorável de sua defesa na câmara, disse que falou do mensalão para o chefe da quadrilha, e este não tomou providencia, e que ele é malandro e preguiçoso, governar que é bom ele não gosta, gosta de andar de avião, e delegou, no caso para o Zé Dirceu, e se ele não praticou o crime por ação pelo menos por omissão, e que foi de lá do outro lado, do Palácio do Planalto que partiu a corrupção, e que o governo do presidente Lula é o mais corrupto que ele testemunhou em 23 anos de mandato.
Também já naquela época fala que o Globo é um jornal amoral, falido que sempre dependeu dos cofres públicos e que a Globo levou R$ 2,8 bi do BNDES para não fechar,e deve mais de um bilhão para a Receita Federal. Será que a emissora chapa branca já pagou o que deve ao Brasil?