João Otrávio, o filho low preofile de Brizola, produz livro sobre o pai. Aqui, ele fala para Zero Hora.

Na foto, Brizola conversa com um desconhecido. Ao seu lado, os filhos José Vicente, João Otávio e Neusinha. Estão todos mortes, menos o desconhecido e João Otávio. 



O título da reportagem sobre o livro de João Otávio Brizola sobre seu pai, Leonel Brizola, é este:  'Meu pai sempre preferiu ficar no ostracismo a fazer composições'. A seguir, o editor disponibiliza na íntegra a entrevista de Dione Kuhn, que obteve a entrevista do único dos filhos de Brizola que nunca gostou de aparecer.

. A frase pinçada por Dione Kuhn não corresponde à verdade, porque Brizola cansou de fazer composições, antes, durante e depois da ditadura. São emblemáticas suas alianças com os galinha-verdes, fascistas, integralistas do PRP, que tentaram depor Getúlio pelas armas em 1937; mais o acordo para eleitores trabalhistas votarem em Brossar para o Senado (na ditadura) e acertar a chapa PDT-Arena, Aldo Pinto e Silverius Kist para o governo do RS. Ameaçado no Uruguai pelos militares durante seu exílio, fez um acordo com seus arqui-inimigos dos Estados Unidos, que ajudaram a derrubar o governo Goulart, exilar e vigiar Brizola, o ex-governador fez acordo com o governo americano e exilou-se em Nova Iorque durante algum tempo. Se não tivesse feito isto, teria sido assassinado no Uruguai.  

. João Otávio não pode ignorar nada disto, mas preferiu apenas ficar com o mito, escamoteando a história. 

. Leia tudo:

Em sua primeira entrevista, filho de Leonel Brizola falou sobre a relação com o pai, os problemas da família e os erros e acertos do político

O arquiteto João Otávio, 61 anos, é o único filho de Leonel Brizola que sempre fugiu dos holofotes e da imprensa. Ao contrário de seus dois irmãos, José Vicente — o mais velho, morto em 2013 — e Neuzinha — a mais nova, morta em 2011 —, nunca brigou ou desafiou publicamente o pai. Era o filho com quem Brizola, nos últimos anos de vida, vinha conversando, reavaliando decisões políticas, como se estivesse fazendo um inventário de sua trajetória pública e privada.

Brizola foi prefeito de Porto Alegre, deputado e governador do Rio Grande do Sul e do Rio de Janeiro. Morreu há 10 anos, em 21 de junho de 2004, aos 82 anos, vítima de infarto. Por ser testemunha privilegiada de momentos cruciais da vida do pai, João Otávio decidiu escrever um livro de memórias — ainda sem editor (confira um trecho abaixo).

Pai de João Eduardo, João Otávio vive hoje entre o Rio de Janeiro e o Uruguai, onde administra a fazenda que era da família e uma academia de ginástica. É incentivador da carreira política dos sobrinhos, a deputada estadual gaúcha Juliana Brizola, o vereador do Rio Leonel Brizola Neto e o ex-ministro Carlos Daudt Brizola (conhecido por Brizola Neto). Os três são filhos de José Vicente.

Durante passagem por Porto Alegre, ele aceitou, pela primeira vez, dar uma entrevista. Falou por duas horas com Zero Hora sobre a relação com o pai, os problemas da família e os erros e acertos de Brizola.

Por que escrever um livro sobre seu pai?
Eu tinha uma história para contar. Não tem mais muitas testemunhas vivas para falar de todos os períodos da vida de meu pai. Minha mãe e meus irmãos (José Vicente e Neuzinha) já morreram. Resolvi contar do ponto de vista da nossa relação.

CLIQUE AQUI para ler tudo.

18 comentários:

Anônimo disse...

Políbio, o desconhecido é o Afro-descendente Collares, ex-governador...hehe

CARLOS SGARBI disse...

Editor, querido, olha esta que li em algum jornal do Nordeste: "temos, nos a burguesia rancorosa e preconceituosa, iniciar, ja, o movimento NAO VAI TER OLIMPIADAS", Eu penso, que aqui nos PAGOS, vc e a melhor LIDERANCA (lembr do seu amiguinho Ze DETRAN Germano?) pra encabecar este movimento. O que vc acha, editor? E depois, se este nao der certo, vamos, nos os burgueses reacionarios e preconceituosos, imediatamente, iniiar os movimento de protestos, quebra quebra, vandalismo, etc. Estou aguardando vc, editor.

Anônimo disse...

Brizola, na educação, nota 10 ! Nas demais áreas, foi confuso, fez bobagens enormes, tanto política quanto administrativamente, envolvendo-se com instituições e ideias não democráticas.
Mas, sem dúvida, foi um grande político.

aaaa disse...

Políbio...
Não entendi a figura de linguagem, pois o desconhecido é o Dr. Alceu de Deus!!!!!!!!!!!!!!!

João Paulo da Fontoura disse...


Sr. Políbio,
se é piada, eu não a entendi: Brizola conversando com um desconhecido? Brizola conversando com o eterno governador Alceu de Deus colares!
Abraços

Anônimo disse...

Fugindo um pouco do tema . Quero fazer uma pequena critica a todos os leitores desse blog ,tanto os que se consideram de esquerda como os que se consideram de direita , inclusive eu .
Criticam o PT ,outros on PSDB mas ninguem enxerga o obvio . Todos os partidos para ser eleito necessitam de financiamento de grandes empresas , atras dessa grandes empresas existe grandes bancos . E se forem investigarem a fundo atras dos grandes bancos estao o Federal Reserve, a City em Londres , o banco central alemão etc . Que em realidade sao privados e controlados pelas Familias Rockefeller , Rodschild JP Morgan etc { por curiosidade sao judias } .
Os grandes meios de comunicado também estão conectados e dependentes desse esquema .Assim como a economia de cada pais.
Entao o PT estara no poder enquanto interessar essas familias , e' assim de simples .

Anônimo disse...

Fugindo um pouco do tema . Quero fazer uma pequena critica a todos os leitores desse blog ,tanto os que se consideram de esquerda como os que se consideram de direita , inclusive eu .
Criticam o PT ,outros on PSDB mas ninguem enxerga o obvio . Todos os partidos para ser eleito necessitam de financiamento de grandes empresas , atras dessa grandes empresas existe grandes bancos . E se forem investigarem a fundo atras dos grandes bancos estao o Federal Reserve, a City em Londres , o banco central alemão etc . Que em realidade sao privados e controlados pelas Familias Rockefeller , Rodschild JP Morgan etc { por curiosidade sao judias } .
Os grandes meios de comunicado também estão conectados e dependentes desse esquema .Assim como a economia de cada pais.
Entao o PT estara no poder enquanto interessar essas familias , e' assim de simples .

Garivaldino Ferraz - Brasília disse...

No início do texto há um erro - ou será ironia - ao afirmar que "na foto, Brizola conversa com um desconhecido". O "desconhecido" é o ex governador do RS, ex prefeito de Porto Alegre, ex deputado federal pelo PDT/RS e, agora, um feliz beneficiário de sinecuras da Itaipú Internacional, Alceu Colares; o simpático "negrão", como ele mesmo gosta de ser chamado. E quando o adjetivo de simpático não estou sendo irônico. Pode-se não concordar com ele politicamente, mas é uma grande figura.

Anônimo disse...

O editor tem raivinha do Collares??? Porque??? O editor fica neste mimimi e não conta os motivos. Vou descobrir por meio de contato com a Neusa. Mas tão logo tenho as informações o editor deverá publicar em respeito aos leitores e demonstrando que é uma pessoa corajosa.

Anônimo disse...

ele não diz "nunca fez composições" e sim que brizola PREFERIA "ficar no ostracismo a fazer composições".

o editor deveria cursar jornalismo de novo: aprende-se a ater-se ao informado, e não deformar a informação.

Anônimo disse...

o maior depois de lula.
como eu queria que brizola pudesse nos ver!
se houver um céu ele pode.

Anônimo disse...


COLLARES ETERNO PT, ISTO SIM.

DILMA É CRIA DO COLLARES DESDE QDO, INFELIZMENTE FOI PREFEITO E GOVERNADOR.
ESTE FOI UM DOS GRANDES CRIADORES DESTA DESGRAÇA PARA O BRASIL.

Anônimo disse...

Brizola nuca irás te ver pois que tú, "rafael do ceu" do demônio Barba, ou sapo barbudo!

Voltou o NEWBURGUÊS CARLOS SGARBI a mando do seu paizão Lula, o novo milionário brasileiro.

Anônimo disse...

Todos comentários ridicularizam o editor do blog.
Nem os leitores habituais concordaram com a falta de respeito com o ex-governador, pois realmente foi desnecessária.
O editor deste blog deveria separar problemas de foro íntimo com as notícias do blog. Não o fazendo deveria mudar este blog para um blog pessoal, jamais de notícias.

Carlos disse...

"Forças Armadas podem entrar em paralisação ainda essa semana

Em reunião tensa no Ministério da Defesa, representantes das Forças Armadas cobram valorização da categoria.

(...)"

http://www.epochtimes.com.br/forcas-armadas-podem-entrar-paralisacao-ainda-semana/

Anônimo disse...

SGARBI A MELHOR LIDERANÇA ACREDITO SER O GEORGE LEMBRA O CARA QUE COMPROU A SEDE DO PT NA VOLUNTÁRIOS DE FORMA NEBULOSA OU QUEM SABE O DARCI CAMPANI QUE COMPROU OS INCINERADORES QUE APODRECERAM NO DMLU, ESSES SÃO OS CARAS.


EDUARDO MENEZES

Anônimo disse...

deixem de ser bestas, é ÓBVIO que o Políbio estava sendo irônico ao dizer que brizola conversava com um desconhecido.

tem que ter falta de senso de ridículo para "corrigir" uma coisa dessas...

Anônimo disse...

Depois das declarações do filho do Brizola, alguém ainda tem dúvida sobre o que vinha sendo "tramado" antes da intervenção militar?