250 apoiam Bolsonaro na porta do hotel. E Bolsonaro convida todos eles para almoçar.

No início da manhã desta terça-feira, 250 manifestantes esperavam o presidente Jair Bolsonaro (PL) na porta do hotel Omni Berkshire Place, em Nova York. 

Bolsonaro concidou todos eles para almoçar na churrascaria Fogo de Chão, em Nova York, após o discurso na ONU. A informação foi confirmada por Fabio Wajngarten, ex-secretário de Comunicação da Presidência e coordenador da campanha bolsonarista.

Apesar do convite, os apoiadores vão pagar pelo próprio almoço, que vai sair por cerca de R$ 50 para cada pessoa.

11 comentários:

ARS disse...

Isso aí, cada uma paga a sua.

Anônimo disse...

A preocupação em informar o preço do almçço,nos deixa apreensivos.
Em N.York,Fogo de Chão,só isso?
Convertendo em dólar,caracteriza mais uma doação que o preço real.
Alguém tá mentindo.

Anônimo disse...

Vamos CHURRASQUEAR, pessoal???? Convida Bolsonaro!
PROPAGANDEAR O CHURRASCO BRASILEIRO E A CARNE BRASILEIRA para o mundo É CRIME HEDIONDO, alerta o TSE, com apoio unânime dos vegetarianos, da Marina Silva e Randolphe!

Anônimo disse...

Apoiadores do Bolsonaro em uma churrascaria é canibalismo, as autoridades americanas não deveriam permitir uma atrocidade dessas!!!

Anônimo disse...

RESPOSTA INTELIGENTE...
GRANDE SACADA UM VÍDEO QUE ESTÁ NO JORNAL DA CIDADE ON LINE, ONDE MOSTRA IMAGENS DO PRESIDENTE BOLSONARO JUNTO A MULTIDÕES DE VÁRIAS CIDADES. AS IMAGENS SÃO ACOMPANHADAS POR RESPECTIVAS DATAS (DE 01 SET A 16 SET), SALTANDO O DIA 7 COM A MENSAGEM "NÃO PODEMOS MOSTRAR O DIA 7 DE SETEMBRO"... MAGNÍFICA IDEIA! TOMARA QUE, COM O RETORNO DE BOLSONARO DA VIAGEM, CONTINUEM ATUALIZANDO O VÍDEO COM NOVAS IMAGENS/DATAS ATÉ O DIA 01 DE OUTUBRO! O VÍDEO FOI UMA RESPOSTA E TANTO AO PT/TSE!

Anônimo disse...

SEM CHANCE PARA O TAL DO BARBA (burro,arrogante,racista,bêbado,analfabeto):

NÃO ADIANTA A ESQUERDALHA ESPERNEAR... TUDO ESTÁ CAMINHANDO PARA SER LIQUIDADA

A FATURA NO PRIMEIRO TURNO !

Anônimo disse...

Aqui no lugarejo fronteiriço onde moro,se alguém convida pra almoçar ou jantar,paga.
Não convida ninguém pra mandá-lo pagar.

Anônimo disse...

Deve ter ficado só no convite, pois correm o risco de saírem na foto com o "inominável" serem identificados pela Policia, presos e deportados, afinal são emigrantes ilegais na sua maioria.

Anônimo disse...

Enquanto isso...................

PF diz que ex de Bolsonaro movimentou R$ 9 milhões e fez 'transações atípicas':

20.09.22 - O Antagonista

Após análise de relatório do Coaf (Conselho de Controle de Atividades Financeiras), a PF aponta que Ana Cristina Valle (foto) movimentou R$ 9,3 milhões em operações financeiras entre março de 2019 e janeiro de 2022 e realizou “transações atípicas”, informa O Globo.

A ex-mulher número dois de Bolsonaro, mãe de Jair Renan, se apresenta como Cristina Bolsonaro e concorre a deputada distrital pelo PP-DF nas eleições deste ano.

O documento do Coaf, segundo o jornal carioca, foi usado para fundamentar um pedido da PF à Justiça Federal: investigar uma transferência bancária realizada por Ana Cristina na compra de sua mansão em Brasília, avaliada em R$ 2,9 milhões.

A maior parte dos recursos foi movimentada entre junho de 2019 e junho de 2021. Segundo a PF, foram registradas na conta da ex-mulher de Bolsonaro entradas de R$ 4,2 milhões e saídas de R$ 4,3 milhões nesse período.

Anônimo disse...

Enquanto isso....................................................

Filho de Bolsonaro movimentou R$ 3 milhões em dinheiro vivo para despesas pessoais:

Filho do presidente Jair Bolsonaro (PL), utilizou cerca de R$ 3 milhões em notas impressas, além dos 16 imóveis comprados parcialmente com dinheiro vivo.

19/09/2022 - Eduarda Melo - JC Online

De acordo com nova reportagem feita pelo UOL, a movimentação de dinheiro vivo feito por membros da família Bolsonaro não foi somente em imóveis. Flávio Bolsonaro (PL), filho do presidente, utilizou cerca de R$ 3 milhões em notas impressas, além dos 16 imóveis comprados parcialmente com dinheiro vivo.

Os dados foram disponibilizados pela quebra de sigilo do Ministério Público do Rio de Janeiro (MP-RJ). O dinheiro teria sido usado para pagar funcionários, impostos e despesas pessoais.

O Ministério Público já chegou a apontar Flávio Bolsonaro como líder de uma organização criminosa que funcionava em seu antigo gabinete na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro.

Anônimo disse...

US$ 50 é mais plausível, pq senão fica menos de US$ 10..