Artigo, Ricardo Seitenfuss, Folha - Missão termina sem mudar cenário socioeconômico do Haiti

CLIQUE AQUI para ler, também, "Por que o Haiti é tão pobre", Miriam Leitão, O Globo.

O autor, gaúcho, foi representante especial da OEA no Haiti (2006-2011) e autor do livro "Haiti: Dilemas e Fracassos Internacionais" (editora da Unijuí, 2014). 

Treze anos após sua implementação, a Missão das Nações Unidas para a estabilização no Haiti (Minustah) encerra suas atividades com um balanço contraditório.

Em seu ápice, chegou a contar com 12 mil militares e 2.400 policiais. Conservando ao longo de toda a operação seu comando militar, o Brasil foi seu maior contribuinte. Assim, em um rodízio semestral, participaram 37.500 militares (80% do Exército, 19% da Marinha e 1% da Aeronáutica).

A Minustah sofreu 186 baixas, sendo mais da metade por ocasião do terrível terremoto de 12 de janeiro de 2010. A maioria das demais baixas foi provocada por acidentes, suicídios e enfermidades, sendo raros os soldados mortos em combate. Assim, das 27 vítimas brasileiras, nenhuma o foi em ação. Como explicar esta situação?

CLIQUE AQUI para ler tudo.

6 comentários:

Anônimo disse...

O QUEBRADO E POBRE BRASIL, COM A CARNIÇA COMUNISTA DO LULADRÃO NO PODER E SEUS CONGÊNERES OU TRANSGENEROS, CONSUMIU UMA BAITA GRANA NO HAITI. PARA QUÊ? PARA DEIXAR O NOSSO PAÍS MAIS POBRE AINDA. PARA O BRASILEIRO SE TORNAR MISERÁVEL!

Alberto disse...

Quanto custou a 'missão'?

Anônimo disse...

Observem a foto com atenção:"Olhem o tanto de gente pelas ruas e calçadas. E, as vovuzelas metendo filhos no mundo a todo vapor. Não precisa ser vidente para dizer que uma coisa dessas não tem jeito.

Anônimo disse...

A missão militar da ONU teve o objetivo de promover a paz e a ordem no HAITI . A recuperação econômica teria que ser implementada pelos próprios haitianos, que não tiveram condições de fazê-la.!!!

Anônimo disse...

eu naõ entendi o que o texto esquerdopata da miriam leitão faz ali... não explica nada sobre o haiti e só despeja preconceitos contra a frança e os EUA.

e não explica que eram DEMOCRATAS os presidentes americanos que ocuparam o haiti e depois apoiaram a consolidação de ditadores esquerdistas no haiti.

lixo total o texto marxista da miriam leitão.

Anônimo disse...



Pensei que fosse a foto de Porto Alegre.