Índice de confiança da área de serviços também despenca

Em linha com o indicado pela maioria dos indicadores de confiança divulgados ao longo desta semana, a Sondagem de Serviços deste mês, divulgada há pouco pela FGV, também reverteu parte da melhora dos últimos meses. 

O índice de confiança do segmento de serviços caiu 2,8 pontos entre maio e junho, atingindo 81,9 pontos, refletindo principalmente o desempenho do componente de expectativas, que passou de 91,7 para 86,5 pontos no período. Na mesma direção, porém em menor intensidade, o indicador de situação atual registrou queda de 0,4 ponto, chegando a 77,5 pontos. 

Com base no resultado desse indicador e dos demais índices de confiança divulgados nos últimos dias, fica reforçada a expectativa de retomada gradual da atividade econômica nos próximos trimestres, com uma retração do PIB ainda projetada para o segundo trimestre.

2 comentários:

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Unknown disse...

Sim... tá todo mundo desconfiado... de que o dinheiro acabou!!!