OAB critica ataques ao sigilo profissional dos jornalistas

O presidente nacional da OAB, Claudio Lamachia, enviou ao editor a nota a seguir, que faz defesa forte do sigilo profissional dos jornalistas. Confira:

É inaceitável a violação do sigilo de um jornalista com a finalidade de descobrir quais são suas fontes. Isso representa um grave ataque à liberdade de imprensa e à Constituição, que é clara ao proteger o direito do jornalista de manter sigilo a respeito de suas fontes. Não se combate o crime cometendo outro crime.
Ao proteger o sigilo da fonte, a Constituição visa a assegurar a existência de uma imprensa livre para que a sociedade seja bem informada. Ou seja: violar a proteção constitucional dada ao trabalho da imprensa significa atacar o direito que a sociedade tem de ser bem informada.
O direito constitucional do sigilo da fonte está para o jornalista, como está o sigilo da comunicação entre o advogado e seu cliente.

CLIQUE AQUI para ler tudo.

4 comentários:

Anônimo disse...

Aguardando o posicionamento da OAB a respeito do fatiamento do Impeachment. Está tão difícil assim?

Anônimo disse...

Aguardando o posicionamento da OAB a respeito do fatiamento do Impeachment. Está tão difícil assim?

Anônimo disse...

Foi falar do ataque aos jornalistas e aí fez um corporativismo barato ``assim como está o sigilo entre o advogado e seu cliente``.

Anônimo disse...

Num pais que um juiz de primeiro grau manda grampear a Presidente da República, Ministros de Estado, advogados e depois distribui o grampo para a imprensa marrom glace, na anti vespera da votação do impedimento da Presidente e não dá nada para o juiz, ou contrario, vira heroi dos coxinhas, sigilo profissional de jornalista é FICHINHA e tá liberado, até porque os jornalistas ficaram felizes em divulgar o grampo da presidente. TOMA.