As indústrias brasileiras estão descobrindo que o Paraguai é a nova China.

Nosso vizinho está oferecendo tanta vantagem que sai mais barato fabricar lá do que importar da Ásia. Ou até do que produzir no Brasil, o que acende um alerta para nossa economia. No RS, os calçadistas vinham denunciando isto há muito tempo. O Uruguai é outro vizinho que vai pelo mesmo caminho.

A reportagem é do jornal O Globo de hoje. Leia tudo:

O Brasil perde empresas e empregos. Esse programa do Paraguai já atraiu 116 empresas estrangeiras, 80% delas brasileiras, e especialistas dizem que isso é uma prova de que o Brasil precisa fazer as reformas tributária e trabalhista.

As empresas se beneficiam de um regime chamado Maquila, que foi regulamentado por uma lei em 2000 e prevê isenção de impostos de importação de máquinas e matéria prima para as empresas estrangeiras que decidirem fabricar no país.

Segundo a CNI (Confederação Nacional da Indústria), hoje, há 90 fábricas que atuam no país vizinho sob esse regime.

CLIQUE AQUI para ler mais.

15 comentários:

Anônimo disse...

Escolham: SOCIALISMO de verdade ou CAPITALISMO amplo?

Se for socialismo fecham logo as fronteiras, se capitalismo liberem o empreendedorismo.

Anônimo disse...

Quem quer produzir dá um jeito, já quem não quer vai para a esquerda, aí reclama até do Papa e dos americanos, faz greve, manifestações e logo vai reclamar do livre mercado paraguaio! Enquanto isto o mundo continua girando.....

Artur Alves da Motta disse...

O link está errado. O certo é:

http://g1.globo.com/bom-dia-brasil/noticia/2016/10/paraguai-e-nova-china-para-industria-brasileira-entenda.html

Anônimo disse...

Mais uma prova que o ESTADO dever ter tamanho MINIMO (para ser barato)

Anônimo disse...

A energia elétrica lá é muito barata e é outro atrativo.

Anônimo disse...

A situação é esta no Paraguay, graças à energia barata e abundante paga pelo Brasil. O mesmo não ocorre no Uruguay, porque a claque sindicalista de lá, sob a inércia do governo, quer dirigir e impor condições às empresas, não permitindo a despedida de colaboradores mesmo em casos de dispensa por justa causa. é greve e mais greves a todo o momento.

Anônimo disse...

É só fechar a justiça do trabalho, que estão criadas as condições de igualdade produtiva.

Anônimo disse...

...Concluindo: Fechem os sindicatos também.

Anônimo disse...

Oh, caro Editor! Há mais ou menos um ano atrás eu já tinha comentado sobre a situação do Paraguai. Tá bem atrasado este post! Há horas que eu vejo brinquedos e roupas de marcas brasileiras com etiquetas de fabricação do Paraguai.

Anônimo disse...

claro, o PY tem um sistema tributario racional ao contrario do BR

Anônimo disse...

Como diria o Chaves da TV; Como os brasileiros são burros dá zero para eles... Porque o Brasil não faz o mesmo que a China e os outros fazem?
Seria muito maior quer todos juntos e atrairia dinheiro para investir as pampas. Grande porcaria exportar cereais e carne em natura e não exportar comida pronta.

Joel

Anônimo disse...

E ainda tem as paraguaias...Que mulheres!!!

Anônimo disse...

MAS e esse novo governo entrou pra que? Para mudar alguma coisa ou deixar tudo como antes?

ALMANAKUT BRASIL disse...


Homem desmaia cantando Galopeira

Anna Rafaella Souza

https://www.youtube.com/watch?v=tVPB6kX4rAw

Casa Posser disse...

Compramos R$ 30.000,00/ano em cortinas prontas de uma fábrica de Joinville. Ops, agora só o centro de distribuição está em Joinville... a fábrica é... adivinhem aonde?