Eles mentiram para salvar Dilma do impeachment. Terão sucesso ?

Na análise a seguir de Mansueto , fica claro como filme de cinema que as pedaladas fiscais do governo Dilma Roussef não podem nem de longe ser comparadas com ocorrências apenas parecidas verificadas no governo FHC.

O caráter de empréstimo dos bancos públicos ao Tesouro é comprovado até mesmo pela natureza dos juros que este paga ao Banco do Brasil, Caixa e BNDES.

O que assombra mesmo nas mentiras apresentadas publicamente, em rede nacional, pelos ministros Cardoso e Adams, não são apenas as declarações em provas que fizeram, sequer mediante declarações de autoridades dos governos tucanos, mas o fato de que ambos os ministros são advogados e sabem muito bem que não podem buscar absolvição pela invocação da torpeza alheia, conforme princípio da individualização da pena, perfeitamente insculpido neste artigo a seguir da Constituição Federal:

No art. 5º, inciso XLVI, da Constituição Federal, encontra-se positivado o princípio da individualização da pena. Em linhas gerais, essa norma determina que as sanções impostas aos infratores devem ser personalizadas e particularizadas de acordo com a natureza e as circunstâncias dos delitos e à luz das características pessoais do infrator. Assim, as penas devem ser justas e proporcionais, vedado qualquer tipo de padronização.

O governo cometeu crime de responsabilidade e terá que responder por ele.


No caso, cabe impeachment da presidente. 

CLIQUE AQUI para saber mais sobre o princípio da individualização das penas e o que prescreve a Constituição. 

16 comentários:

Anônimo disse...

Estes Canalhas estão debochando da Imprensa, do Povo Brasileiro, do Congresso e e da inteligencia DA intelectualidade Nacional. Simplesmente eles acham que a Sociedade Brasileira é um bando de imbecis...
Merecem o maior espúrio e esculacho elementos que se dizem autoridades do Govêrno mentiroso e canalha como este...

Anônimo disse...

é, segundo esses sábios do desgoverno, temos que pedir o impeachment do FHC...

que gente ridícula..

Anônimo disse...

Seria ótimo para o Brasil e o Mundo o impeachment ... só que Polibio o Ministro Marco Aurélio Mello disse que o crime de responsabilidade deveria ter ocorrido neste mandato para propiciar tal medida de limpeza do Palácio da Alvorada.
Aguardemos!

Anônimo disse...

Se eles estiverem certos, os dois
e a presidente são prevaricadores.
Se estiverem errados a solução é
o impeachmen.

Gustavo disse...

para o 9dedos é melhor que vaninha1,99 seja impichada pelas pedaladas do que por corrupção.. no primeiro caso ele tem maiores chances de voltar em 2018..

Anônimo disse...

mas que intessante ,aconteceu no governo fhc e os petralhas ficaram calados ?????

Lucaspsb disse...

O que é engraçado é ver esses dois patetas tentando defender o indefensável. O PT é uma organização criminosa. Ponto.

Anônimo disse...

OLHA POLIBIO,
INFELIZMENTE O COMENTARISTA DAS 13:22 H ESTÁ ENGANADO.
ÊLES NÃO PENSAM QUE O POVO BRASILEIRA É UM BANDO DE IMBECIS, MAS SIM QUE OS QUE NÃO SÃO IMBECIS SÃO APROVEITADORES E/OU COVARDES.

Anônimo disse...

Políbio, a coisa é muito pior,porque existem as PEDALADAS NAS PESSOAS FÍSICAS. É o caso de um funcionário meu, cuja esposa faleceu em Outubro de 2014 e até hoje não conseguiu retirar o FGTS dela, também trabalhadora. Sempre que ele vai à CEF é enrrolado. Verdadeira PEDALADA NO POVO. Quantos no Brasil estão sofrendo o mesmo problema???

Anônimo disse...

E aí do RS , não vai ter nenhuma marcha à Brasília?
Cadê os maragatos?
Cadê os chimangos?
Cadê os lanceiros?
Deixando de brincadeira, fica a sugestão ao MTG e aos CTGs que se organize uma marcha a cavalo à Brasília para reforçar a marcha dos paulistas.

Anônimo disse...

Na campanha para o Senado em 2014, o candidato eleito José Serra (PSDB – SP) arrecadou R$ 10.701.447,98. O seu principal adversário, Eduardo Suplicy (PT-SP) conseguiu R$ 4.294.504,75.

Dos mais de R$ 10 milhões arrecadados pelo tucano, a quantia de R$ 1.479.769,00 foi doada por empreiteiras investigadas na Operação Lava-Jato.

Ao todo, segundo a prestação de contas do senador ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a Construtora OAS doou R$ 453 mil.

A Andrade Gutierrez colaborou com R$ 862.677,00

E a Carioca Christiani Nielsen Engenharia S/A concedeu R$ 200 mil ao, até então, candidato do PSDB ao Senado.

Em janeiro deste ano, a Polícia Federal (PF) abriu mais dez inquéritos para investigar empresas suspeitas de participar do esquema de corrupção em contratos com a Petrobras.

Na investigação entraram a Andrade Gutierrez, a Carioca Christiani Nielsen Engenharia, além da Setal Engenharia, MPE Montagens e Projetos Especiais, Alusa Engenharia S/A, Promon Engenharia, Techint Engenharia e Construção S/A, Skanska Brasil, GDK, Schahin Engenharia.

São alvo de processo administrativo instaurado desde a deflagração da operação Lava Jato: Tome Engenharia, Egesa Engenharia, Carioca Christian Nielsen, Skanska Brasil, EIT Empresa Industrial Técnica, MPE Montagens e Projetos Especiais, Camargo Corrêa, Engevix, Galvão Engenharia, Iesa, Mendes Junior, OAS, Queiroz Galvão, UTC-Constran, Alumni Engenharia, GDK, Promon Engenharia, Andrade Gutierrez, Fidens Engenharia, Sanko Sider, Odebrecht, Odebrecht Óleo e Gás, Odebrecht Ambiental e SOG Óleo e Gás.

As empresas são acusadas de formação de cartel em contratos com a Petrobras.

Em fevereiro, o Conversa Afiada já publicou que, na eleição de 1998, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso recebeu, como doação de campanha, ao menos R$ 1 milhão e 650 mil de construtoras investigadas na Operação Lava Jato.

A matéria lembra que, naquele mesmo ano, segundo o site da própria empresa, a Andrade Gutierrez venceu o leilão de privatização do Sistema Telebrás em operação da Telemar.

http://www.conversaafiada.com.br/brasil/2015/02/09/fhc-mergulhou-na-lava-jato/

Anônimo disse...

Nestes pronunciamentos está acontecendo outra barbaridade. Que o Ministro da Justiça proteja a Presidente, ainda é aceitável. Mas o Advogado-Geral da União não é assessor da Presidente,sendo sua função proteger a União. Assim, o ocupante desse cargo está agindo contra a União, quando defende a Presidente, uma vez que os motivos para um impeachment são atos governamentais que prejudicaram a União. É inaceitável que essa figura aja ao lado do Ministro da Justiça, com os mesmos objetivos.

Anônimo disse...

OLHA AÍ, POLIBIO ! CONTINUAS permitindo
a máquina da máfia ptista bostar textos aqui! Veja as 17:20.

PÔ POLIBIO, vê se emendas.

PTRALHADA continua em campanha, agora para fugir da prisão.

Bigode disse...

Onde estava o PT que nada fez? Afinal era sua obrigaçao defender o Brasil.

Anônimo disse...

Já falei aqui que o Moro está tratando de terminar a Lava Jato, depois ele vai pegando o que tá aparecendo paralelamente. O que não entendo é essa necessidade do PT justificar a roubalheira dele com a roubalheira do PSDB. O PT, lembro bem, foi fundado para acabar com a roubalheira, desvios, corrupção. Por que não fez o seu papel no governo FHC??? Pediu o impeachment do Collor por bem menos...

Cláudio Roberto de Oliveira disse...

É duro de entender a postura de FHC e José Serra nessa questão do impeachment.
O que será que há por traz de tudo isso que faz esses homens fazerem uma defesa tão categórica dessa mulher e desse Governo?
Que vantagem esses homens estão tendo para procederem dessa forma. Eles não nos deixam nem o benefício do silêncio ou da dúvida. Se postam como defensores intransigentes, negando todas as possibilidades e sonhos de uma população inteira.
No duro, não dá para entender.
É a segunda vez que FHC faz dessa forma.
Para sua informação, o Senhor e o seu partido começam a deixar de ser nossa opção de mudança.