Denúncia de que Mantega informou grupos empresariais sobre a alta de juros abala o mercado

Sempre bem informado sobre o que acontece no governo federal, o site Brasil247 informou ainda há pouco: - Espalha-se como um rastilho de pólvora pelas mesas do mercado financeira a denúncia de que o grupo JBS Friboi, de Joesley Batista, obteve informação privilegiada do Ministério da Fazenda para virar sua posição no mercado de juros futuros, na semana passada. O BC tem razões para subir os juros e também para mantê-los na sua reunião mais delicada dos últimos anos. O ministro Guido Mantega volta a estar na mira; além do JBS Friboi, BTG Pactual, de André Esteves, também passou a apostar na Selic mais alta.

A denúncia é do blog Alerta Total. Vale a pena ler tudo, inclusive o material postado no link, porque a história toda é escabrosa e terá que ser checada pelo MPF e CVM:

O Ministério Público Federal e a Comissão de Valores Mobiliários podem ser acionados para investigar uma forte evidência de crime de informação privilegiada no mercado de DI Futuro – no qual investidores aplicam na taxa média das operações interbancárias de empréstimo por um dia, apuradas pela CETIP (Central de Custódia e Liquidação Financeira de Títulos).

Essa é mais uma ameaça que paira diretamente sobre a cabeça do ministro fictício da Fazenda, Guido Mantega, que obedece aos comandos de Antonio Palocci Filho, que por sua vez age em nome de Luiz Inácio Lula da Silva, o Presidente virtual e parelelo do Brasil.  Na véspera de mais uma subida de juros, com a taxa Selic, para tentar segurar a inflação, Mantega não poderia ter notícia mais assustadora. Investidores querem, literalmente, derreter Mantega.

O MPF e a CVM têm obrigação de apurar se, de fato, houve transgressão da Lei 10.303/2001, do CAPÍTULO VII, que versa sobre os crimes contra o mercado de capitais.

CLIQUE AQUI para ler tudo.

2 comentários:

Anônimo disse...

Alguem saberia me explicar a origem do nome deste site vermelho?

Para mim, o próprio nome já é uma afronta 2 + 4 + 7 = 13 (PT).

Este deve ser ums dos 20% da midia que Tarso irá deixar trabalhando quando ele e o PT implantar o controle da midia.

Anônimo disse...

ué, nao eram os tucanos que faziam isso, privilegiar a burguesia?