Empresa Multiner vai construir termoelétrica e terminal de gás em Rio Grande

A empresa Multiner será responsável pela execução do projeto de construção de uma termelétrica e um terminal de gás natural liquefeito (GNL) na cidade de Rio Grande. A informação foi dada pelo diretor-presidente do Grupo Bolognesi, Ronaldo Bolognesi, proprietário de 55% da empresa.

. A Multiner conta com 45% de um Fundo de Participações em Investimentos, composto por fundos de pensão, entre eles o Petros, que poderá otimizar o processo. O investimento nos complexos é estimado em R$ 2,2 bilhões.

. A usina terá 1.297 MW de capacidade instalada (cerca de um terço da demanda média de energia do Rio Grande do Sul). E o terminal de GNL terá uma possibilidade de fluxo de gás natural de 6 milhões de metros cúbicos ao dia.

2 comentários:

Anônimo disse...

Gostaria de saber o que representa um investimento desse porte para Rio Grande.

Anônimo disse...

Toda a geração de energia é transmitida através do sistema de transmissão nacional interligado.
Gerar em Rio Grande, beneficia o estado inteiro que deixa de importar energia de outros estados para suprir sua demanda. Não interessa se a geradora esta em passo fundo, uruguaiana, porto alegre ou rio grande.
Carlos