França manda abater frangos e patos atacados pela gripe aviária

A França anunciou, neste sábado, que detectou uma forma “altamente patogênica” de gripe aviária em uma granja no norte do país. Todos serão abatidos de antemão para evitar que a doença se espalhe. Diversos focos de gripe aviária foram detectados na França no último mês, tanto em granjas quanto em animais selvagens.

Um surto da doença no último inverno foi responsável pelo sacrifício de cerca de três milhões de patos no Sudeste do país.

Segundo informa a agência internacional de notícias Reuters, donos de aviários temem que as notícias imponham bloqueios de importação das carnes de frango e de pato. Especialistas de saúde franceses alertam, ainda, para a possibilidade de transmissão da doença para humanos.

10 comentários:

Anônimo disse...

deve ser o sonho dos globalistas fazer o mesmo com os infectados pelo virux xineix...

Anônimo disse...

Especialistas de saúde franceses alertam, ainda, para a possibilidade de transmissão da doença para humanos.

imagina se nao ia aparecer os "especialistas" pra tocar fogo no circo...

é a republica dos especialistas...

agora somos todos governados por essa gente que nao sabemos sequer quem sao...

Renato disse...

tai o proximo golpe gripe aviaria e pior transmissivel para os humanos,vacina a toque de caixa já.

Anônimo disse...

Será que é igual a falsa bandeira da plandemia?

José Corrêa disse...

Lakron perdidon!!!

Anônimo disse...

Tô desconfiando que essa gripe aviária na França do macron, é culpa do Bolsonaro.

Anônimo disse...

https://www.noticiasagricolas.com.br/noticias/granjeiros/302118-alemanha-relata-outro-caso-de-gripe-aviaria.html
https://www.noticiasagricolas.com.br/noticias/granjeiros/302482-alemanha-registra-mais-um-surto-de-peste-suina-africana-em-granja-de-suinos.html

Anônimo disse...

Lacron que se cuide, pois virou um pato manco na presidência da França. Perdeu o respeito do povo e do exército francês.

Anônimo disse...

O Macron agora vai levar fumo no rabo.

eliss disse...

Acho que foi aquele pisão do mito no pé da merquel
Ou o bafo do ladrão no merdon francês.