Brasil foi o quarto maior receptor de investimentos diretos em 2019

No ano passado, o volume de Investimentos Diretos Estrangeiros (IDE) recebido chegou a US$ 75 bilhões, 26% superior a 2018, segundo divulgado ontem pela Agência para o Comércio e o Desenvolvimento da ONU (Unctad). De forma agregada, o fluxo de investimentos no mundo recuou 1,0% entre 2018 e 2019

Com o resultado, o Brasil ficou atrás de EUA, China e Cingapura. 

Para 2020, a instituição avalia que a perspectiva segue favorável, reforçada pelo programa de investimentos em infraestrutura e pela aceleração do crescimento. 

Nenhum comentário: