42% dos brasileiros acham que Moro será o vice ideal de Bolsonaro em 2022

Além de Moro e Mourão, foram incluídos o empresário Luciano Hang, o ministro general Augusto Heleno (Segurança Institucional) e os deputados Marco Feliciano (Podemos-SP) e Luiz Phelippe de Orleans e Bragança (PSL-SP), que marcaram desempenho menor de 5% cada.

Para 45,6% dos brasileiros, o vice na chapa de Jair Bolsonaro em 2022 deve ser o ministro Sergio Moro (Justiça), segundo levantamento da Paraná Pesquisas enviado ao editor nesta segunda-feira. 

Outros 16% acreditam que ele deve conservar no posto o atual vice-presidente, general Hamilton Mourão.

A pesquisa foi realizada por 2.222 entrevistas via telefone de 14 a 18 de dezembro e tem margem de erro de 2 pontos percentuais. Uma lista de nomes cotados a vice na chapa foi apresentada aos entrevistados.

CLIQUE AQUI para ler toda a pesquisa

13 comentários:

Anônimo disse...

Eu penso que Moro nunca deverá ser vice de nada.

Vice tem de ficar de bico calado, como ficou Mourão depois de levar alguns puxões de orelhas, e só seguir o que diz o PR.

Chris/SP

SCHWEIZER disse...

Moro tem que ir para o STF...TIRAR UM POR UM DAQUELES PETRALHAS.

Anônimo disse...

Esquece isso Políbio. Feliz Ano Novo para todos!

Ariel disse...

Desnecessário esse tipo de anúncio; Bolsonaro tenta subir nas pesquisas mas, para mim, errado! isso, só cria atritos e dá munição aos petralhas;Cada "macaco" no seu galho! Moro tem alto índice de aprovação como um dia teve Joaquim Barbosa; Bolsonaro ganhou pelo momento oportuno que embarcou e, agora, que se dê por satisfeito! se fizer um bom governo, na hora certa que decida!

Anônimo disse...

Exato! Por mim, Moro deve ser o cabeça da chapa, o candidato a presidente.

Anônimo disse...

A verdade é que precisamos de vários moros. O Ministro Moro ta fazendo um trabalho maravilhoso no Ministério da Justiça, mas eu acho que seria muito bom ele sair de vice do Bolsonaro e em 2026 de candidato á ´presidente. Com certeza ganha.

Steve disse...

Vice coisa nenhuma; vai ser candidato a presidente. O atual presidente não quer combater a corrupção e quer surfar na onda de aprovação do Moro, que quanto mais batem nele, mais ele cresce nas pesquisas. E se o Moro não se candidatar, quem ele indicar vai levar no primeiro turno. E duvido que esse indicado seja o Bolsonaro.

ZAPELINO B disse...

Esta pesquisa deve ter sido encomendada pelo próprio Bananaro, que a está altura dos acontecimentos deve estar mais assustado que cachorro em tiroteio. Enquanto Moro só sobe nas pesquisas de popularidade, ele só baixa. Ele sabe muito bem que, sem Moro, sua ambicionada reeleição, dança. E dança feio, qualquer que seja seu vice, que não seja o Moro. Resumindo: Moro é a tábua de salvação para suas ambições. Acho uma total impropriedade que um presidente no início de seu mandato venha alimentar discussões sobre sua reeleição. Para almeja-la, primeiro teria que provar ter sido um bom presidente, o que é muito cedo para se avaliar. Pelo tanto que deu pra ver neste primeiro ano, está longe desta idéia. O que vemos é um sujeito temperamental chegando em alguns momentos, por si próprio provocados, ao completo desiquilibrio mental, beirando à paranóia, quando não à psicopatia. Além disso tem demonstrado um caráter extremamente duvidoso, de deslealdade com suas promessas e com seus colaboradores próximos, mormente o ministro Sérgio Moro. Sua palavra de compromisso não tem valor algum, porque já faltou com ela, várias vezes. Suas alianças são as mais espúrias. Só para citar: no STF, totó Foli e Gilmar Beiçola; no Congresso, Nhonho e Batoré; como lideres de governo, Bezerra e Eduardo Gomes; na AGU e PGR, o terrivelmente evangélico e afilhado de Totó, André Mendonça e o terrivelmente petralha Augusto Aras. Tem ainda o Oliveira,seu conselheiro pessoal e também afilhado de Totó e ainda seu ordenança para serviços não muito limpos, o anão Onyx. Depõe contra Bananaro também o fato de ter traído a Lava Jato e se unido a corruptos na tentativa de salvar a pele do figlio encrencado e quiçá a sua própria.

Anônimo disse...

Moro tem de ser é o presidente... e Bolsonaro ir cuidar dos rolos da família dele

Anônimo disse...

Moro não é político.
Ficaria melhor no STJ ou no STF

COMECEM A CAMPANHA POLÍTICA AGORA E EM POUCO TEMPO ESTARÁ DESTRUÍDA.

Os projetos de Moro são dilacerados no Congresso.
Os políticos não querem ele.

Anônimo disse...

Bolso e Moro em 2022 e Moro em 2026 e 2030, chorem petralhas

ZAPELINO B disse...

É isso aí!!! Vai ter que prestar contar de 28 anos de rachadinhas suas, fora a dos figlios. Famiglia que rouba junto, vai junto pra cadeia. A primeira vai ser a do Estuprador de Cabritas; outras a seguirão, pois temos muitos feudos familiares devotados a roubar o Estado. Boa cadeia para todos vocês!!!

ZAPELINO B disse...

Os políticos enrabados na Lava Jato, de fato não o querem, mas é o povo que o quer como presidente. Bananaro já era!