PF diz que escândalo sobre morte do cacique Emya Waiãpi foi farsa internacional

CLIQUE AQUI para ler o que diz a Polícia Federal.

Foi tudo uma farsa para que Partidos como Rede e "indigenistas" como os da Noruega e Alemanha, armassem contra o governo Bolsonaro, como se vê ao lado.

Nesta sexta-feira, 16, a Polícia Federal divulgou laudo pericial que indica o afogamento como a causa da morte do cacique Emya Waiãpi, no Amapá. 

Não foram verificados ferimentos ou marcas de violência no corpo exumado. O resultado da autópsia  desmonta a farsa divulgada pela mídia, a partir de informações repassadas pelo gabinete do senador Randolfo Rodrigues (Rede), ex-petista, de que o líder indígena teria sido morto a facadas por garimpeiros invasores. A PF investigou o local e não encontrou indícios de invasão.

A fake news foi divulgada no dia 27 de julho, mesmo dia em que o presidente Bolsonaro, em evento no Rio de Janeiro, afirmou que seu governo pretende viabilizar projetos de exploração mineral na
Amazônia. 

28 comentários:

elias disse...

E esse randolfe não vai ser responsabilizado? Tá muito fácil aqui no bananão.

Anônimo disse...

Espera-se que a secretária de Direitos HHumanos da ONU, a chilena Michelle Bachelet lance nota oficial pedindo desculpas ao governo e ao povo brasileiros, pois se prestou a jogar gasolina na fogueira quando essa fake news foi lançada.

https://oglobo.globo.com/brasil/chefe-de-direitos-humanos-condena-morte-de-indigena-do-amapa-onu-oea-devem-notificar-governo-23840578

Anônimo disse...

Cada um destes políticos esquerdistas destas associações de vagabundos ou parasitas ou corruptos, deveriam levar um balaço no meio da testa. Não servem para nada. Nem para adubo.

Anônimo disse...

e agora quando vao prender aquele pessoal por possível falso testemunho?

e o Caetano Enganoso vai gravar um videozinho novo pra "desdenunciar" o que havia denunciado sem sequer ter pisado o pé no local?

pagou mico embalado por ongueiros e índios...

Anônimo disse...

ja tinham ate feito um cartaz de mártir?

essa esquerda não perde tempo mesmo...

Anônimo disse...

Esperem pra ver se a mídia cor de bosta , Grobo na frente, vai dar a devida informação.

ARS disse...

Quinta-coluna se une a parasitas internacionais que não perdem oportunidade de explorar a miséria do terceiro mundo.

Anônimo disse...

E o "nobre"senador randolfe rodrigues o que tem a dizer agora.

Anônimo disse...

Interferência de Bolsonaro na Polícia Federal pode levar a demissão de Moro:

16 agosto, 2019 - DCM

Do Estadão:

A tentativa do presidente Jair Bolsonaro de interferir na escolha do superintendente da Polícia Federal no Rio é mais um capítulo da disputa velada de forças que ele trava com o ministro da Justiça, Sérgio Moro. A PF não aceita indicação de “cima para baixo” para o preenchimento dessa vaga e ameaça implodir caso o ministro ceda a uma interferência do Planalto.

Segundo o Estado apurou, se Bolsonaro insitir em impor sua vontade, para Moro restariam duas alternativas. Uma é aceitar e perder o controle da Polícia Federal. A outra é rejeitar a interferência e pedir demissão do cargo. Dirigentes da PF dizem que não vão agir como os colegas da Receita Federal, que vêm sendo atacados pelo presidente constantemente sem reação.

Bolsonaro falou sobre o assunto duas vezes nesta sexta-feira, 16. Primeiro, avisou que é ele “quem manda” e indicou que colocaria na vaga de superintendente da PF no Rio o atual responsável pela PF no Amazonas, Alexandre Saraiva. (…)

Saraiva é próximo dos filhos do presidente e já foi cotado para assumir o Ministério do Meio Ambiente. No início de dezembro, Bolsonaro chegou sondá-lo. Acabou escolhendo Ricardo Salles para comandar a pasta.

Na primeira entrevista que concedeu na sexta sobre o assunto, Bolsonaro foi bem assertivo. “Está pré-acertado que seria lá o de Manaus… Se ele resolver mudar, vai ter que falar comigo. Quem manda sou eu… deixar bem claro”, avisou. “Se eu for trocar os superintendentes, qual é o problema? É igual o Coaf. Eu tentei deixar o Coaf com Moro via medida provisória, o Congresso botou na Fazenda e o Paulo Guedes que decide”, complementou.

O comentário do presidente respondeu a uma nota divulgada pela PF informando que o delegado Carlos Henrique Sousa iria para a vaga de Ricardo Saadi no Rio. Como revelou o Estado, o nome de Sousa foi incluído na nota propositadamente para evitar uma indicação política da parte do presidente. A nota rebateu também críticas de Bolsonaro a Saadi.

O Estado apurou que o texto foi autorizado por Moro. A indicação dos superintendentes da PF é prerrogativa do diretor-geral da instituição, mas o presidente da República pode vetar qualquer nome por se tratar de cargo de confiança. Não é comum, contudo, a interferência. (…)

ganhatudo disse...

E esses autores de tão deslavada "fake news", como sempre, ficarão impunes.
Eles são pessoas do bem e defensoras da humanidade.
A humanidade deles dispensa os humanos.

Anônimo disse...

Marina Silva e Randolf Rodrigues da Rede tudo a ver com as ONGs! Que "interesses contrariados" teria esta dupla ao ver legalizados os garimpos no Brasil? Quando se fala "contrariados" é claro que são interesses financeiros pois esta dupla está a anos luz do que se considera patriotismo!

Anônimo disse...

Randolfo Rodrigues era um dos poucos senadores de esquerda que contavam com uma certa credibilidade. Ou ele também foi enganado ou é um patife como todos os outros petistas.

Anônimo disse...

FATO EXTREMAMENTE GRAVE.

Luiz Vargas disse...

É o velho modus operandi dos esquerdoPaTas de fazerem alarde com uma notícia negativa para jogar na penumbra as positivas.
No período de 2007 a 2010, vivenciamos isto no RS.
Na ocasião, um peremPTório PunheTeiro de mão cheia, utilizava o cargo que detinha prevaricava a rodo, utilizando comparsa infiltrados em uma instituição de Estado para detonar e inviabilizar eleitoralmente sua futura adversária (na visão dos esquerdoPaTas: inimiga).

Anônimo disse...

Foi uma fake news político-ambientalista. O Fundo da Amazonia , criado pelo governo Lula, em 2008, deu as ONGS dos paises doadores o poder político que nao detinham ,no passado, sobre a Amazonia .!!

Justiniano disse...

Esse nobre senador é uma tremenda gazela comunista que nunca enganou ninguém. Lembrando que Rede e PSol são todas putinhas do PT.

Mentira grotesca e manipulada pela essa esquerda carniça podre. Acabou a farsa dessas ratazanas vermelhas.

Anônimo disse...

Esse Randolfe só ganha porque só ele concorre, daí se encontrar na REDE !

Anônimo disse...

O problema do esquerdeopata é burrice, falta de memória, mal-caratismo ou a mistura insana destas 3 coisas??

Anônimo disse...

Não é a primeira vez que uma falsa denúncia como essa é feita.
.
A primeira foi em 1992, um falso massacre de yanomamis que não se confirmou, e que se descobriu que o local do suposto massacre nem estava em território brasileiro.
.
Agora, esperamos que a polícia investigue essa notícia falsa e leve os responsáveis às barras dos tribunais. Afinal, colocaram em perigo a própria segurança e a integridade do país.

Anônimo disse...

Atenção aí cumpanherada. Vou meter um baita texto de FAKE NEWS, pra deixar os bolsomitos de cabelo em pé.
Só assim eles param de falar nessa furada que deram com a fake news do índio Véio, que escorregou na barranca do rio e se afogou.
Tão vendo como sou esperto?
Mereço receber 30 pila de bolsa internete, né?

Anônimo disse...

claro que MANOELA DAVILA e esse CONSUL ALEMÃO . que é homossexual, estao envolvidos

José Corrêa disse...

Pisol e reste são puxadinhos do PT=Partido das Trevas!!!

Não é o caso de denunciar o senador falla finno no conselho de ética por falsa comunicação de crime???

E a impren$a???

Vai divulgar ou ficar callada???

Anônimo disse...

Sim, e estamos podres desses canalhas mentirosos e ninguém toma providência. foram identificados e podem ser enquadrados em "falsidade ideológica"?

Adélio Coqueiro Psolowski disse...

É patife, até o nervo ciático.

Anônimo disse...

Esse Senador num país serio seria cassado, processado e preso

Anônimo disse...

Pólibio o tal consule alemão não estaria por detraz desta coisa mau cheirosa? pois é que tudo indica

Anônimo disse...

Ala socialista da Alemanha,Noruega,Índio velho e esquerda malandra, uma salada nefasta e escusa.

Anônimo disse...

Prezado Editor, quem abriu as portas da AMAZONIA para todos foi o " FUNDO da AMAZONIA ", criado por LULA em 2008. Ora, quem doou para o FUNDO, caso da NORUEGA , ALEMANHA e outros paises, sente-se no direito de opinar sobre o investimento. Assim, podem até apelar a Tribunais Internacionais , se a preservaçao nao estiver sendo feita como desejarem. LULA e o PT , como sempre, com sua irresponsabilidade habitual e burrice notória, colocaram o BRASIL em uma saia justa. Escancararam as portas da AMAZONIA para paises que nao tem mais florestas. A AMAZONIA é cobiçada internacionalmente, pois é a única floresta virgem em pleno Século XXI . Foi um crime contra a Soberania Nacional do BRASIL. Um crime de Lesa-Pátria cometido por LULA e o PT, em 2008. !!! Tia Glória.