Câmara cassa mandatos do prefeito e vice de Triunfo, RS

Por 9 x 2, a Câmara de Vereadores de Triunfo, cassou os mandatos do prefeito Valdair Gabriel Kuhn, o Bellô, e do vice, Orison Donini Cezar Júnior, da coligação PSB-PSDB. Triunfo é a sede do Polo Petroquímico do RS e fica na região metropolitana.

A sessão, que começou ontem, 17h, acabou nestga madrugada, 5h.

O prefeito e o vice teriam cometido irregularidades em repasses avaliados em R$ 2,6 milhões para o  Instituto de Administração Hospitalar e Ciências da Saúde. Além disso, eles são acusados de ter forjado um decreto  de Estado de Emergência e de Calamidade Pública na área da Saúde para direcionar licitações.

2 comentários:

Anônimo disse...

Coligação PSB-PSDB tem comunistas enrustidos no pedaço! E olhe que para ser caçado (?) por uma câmara de vereadores, quase sempre muito "mãezinhas" tem que ter sido muito grande a "façanha da dupla". Decerto a dupla ouviu demais o hino Rio grandense, principalmente naquela parte que diz "Sirvam nossas façanhas de modelo a toda a terra", resolveram "façanhar" e sairam "façanhados"!

Anônimo disse...

Triunfo a Sucupira gaúcha.
O histórico político-administrativo deste município é triste e desolador, redução fiel do quadro geral brasileiro.