Guaidó volta dentro de uma hora e meia. Maduro promete prendê-lo. EUA ameaça reagir.

John Bolton, assessor de Segurança Nacional dos EUA, avisou que o governo Trump reagirá se Maduro prender Guaidó.

Juan Guaidó, o presidente que a Assembléia Nacional escolheu para substituir Maduro e convocar eleições gerais, confirmou que dentro de uma hora e meia desembarcará na Venezuela.

Ele convocou o povo para ir às ruas e protegê-lo.

O governo narco-comunista de Maduro prometeu prender Guaidó, tão logo ele pise o solo venezuelano.

Ontem, Juan Guaidó esteve no Equador, cumprindo um giro internacional que incluiu Brasil, Paraguai e Argentina.

CLIQUE AQUI para saber tudo que se passa hoje na Venezuela. Trata-se do jornal El Nacional.

4 comentários:

Anônimo disse...

Eu não acredito que esse maduro usurpador de poder vai ter coragem de prender o presidente da Venezuela que está apoiado por 50 países,mas se ele fizer isso os EUA incluindo o Brasil terão que reagir mesmo.

Anônimo disse...

so não me diga que serão mais "sanções"...

esse negocio não funciona com ditaduras...

Cuba esta sob sanções ha praticamente 50 anos e esta la, de pé, inclusive com agentes cubanos dando sustentação a essa agora ditadura venezuelana...

Anônimo disse...

Tomara que seja preso. Aí os EUA invadem e acabam com esta ditadura petista na Venezuela. E a Rússia que vá para o inferno defendendo este genocida.

Anônimo disse...

Kkkk
Cara tu és louco!!! Rússia com os melhores submarinos do mundo e com mísseis nucleares. Já imaginou?