Secretaria da Fazenda projeta mais R$ 200 milhões com novo IPTU de Porto Alegre

No segundo encontro do ciclo de reuniões da Secretaria Municipal da Fazenda (SMF) com a comissão especial da Câmara de Porto Alegre que analisará o projeto do Executivo que revisa a planta de valores do Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU), o foco foi esclarecer o cálculo que a SMF utiliza para definir o valor venal dos imóveis da cidade - valor a partir do qual é calculado o IPTU de cada logradouro.

Segundo o jornal do Comércio, caso o projeto seja aprovado pelo Legislativo sem nenhuma alteração, a prefeitura espera um aumento de 40% na arrecadação total do imposto, conforme o secretário da Fazenda, Leonardo Busatto, o que corresponde a cerca de R$ 200 milhões.