CNI revela que produção industrial caiu em abril

A sondagem industrial da CNI registrou queda da produção em abril e recuo das expectativas em maio.

A Sondagem da Indústria, divulgada ontem pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), apontou recuo de 6,4 pontos na passagem de março para abril, atingindo 48,8 pontos. Trata-se de um valor abaixo do nível neutro, de 50 pontos. No mesmo período, o nível de utilização da capacidade instalada (NUCI) ficou estável em 66%. Os estoques apresentaram ligeira retração de 0,2 ponto e permaneceram acima dos 50 pontos, em  50,4 pontos. Para maio, os indicadores de expectativas apresentaram recuo. Houve queda nos indicadores de expectativas de demanda, de compras de matérias-primas, de quantidade exportada e de número de empregados, bem como da intenção de investimento. 

A piora da confiança em maio, que também é observada na sondagem industrial da FGV, indica que a evolução do setor continua volátil, ainda que com gradual tendência de recuperação.