No Now, a R$ 14,90, não perca, hoje, o documentário " Impeachment - o Brasil nas ruas"

Já está disponível no Now, NET, o documentário “Impeachment-O Brasil nas ruas”, dos gaúchos Beto Souza e Paulo Moura. O filme fez estreia em tela grande, no Capitólio, Porto Alegre.

O editor pagou R$ 14,90, ontem, para ver em tela pequena, no Now.

Registro em documentário sobre o episódio político mais marcante da história recente do país, “Impeachment – O Brasil Nas Ruas”, do jornalista e cineasta Beto Souza e do cientista político e produtor Paulo Moura, foi integralmente construído em rede, por meio de contribuições voluntárias e crowdfunding. O filme reúne cenas de época e 30 entrevistados, entre juristas, ativistas e analistas políticos. Dentre os organizadores e mobilizadores ouvidos estão Fernando Holiday (MBL), Rogério Chequer (Vem Pra Rua), Heduan Pinheiro e Rico Ferrari (Movimento Brasil Melhor) e Luiz Philippe de Orleans e Bragança (Movimento Liberal Acorda Brasil); já Miguel Reale Jr., Janaína Paschoal, Hélio Bicudo, Ives Gandra Martins e Cláudio Lamachia apresentam a defesa da constitucionalidade do processo.

O filme ainda conta com a participação de alguns dos principais analistas políticos e econômicos do país, como Augusto de Franco, Luiz Felipe Pondé, Fernando Schuler, Demétrio Magnoli, Igor Morais e Marco Antônio Villa.

4 comentários:

Anônimo disse...

“Fernando Holiday (MBL), Rogério Chequer (Vem Pra Rua), Heduan Pinheiro e Rico Ferrari (Movimento Brasil Melhor) e Luiz Philippe de Orleans e Bragança (Movimento Liberal Acorda Brasil); já Miguel Reale Jr., Janaína Paschoal, Hélio Bicudo, Ives Gandra Martins e Cláudio Lamachia” por estes nomes da para ter uma ideia que vai ser um documentário “”ISENTO” e “APARTITARIO” HAHAHAAHA capaz perder meu tempo vendo essa palhaçada

Anônimo disse...

Um asco dessa gentalha fascista direitos e bagaceira

Anônimo disse...

Os petralhas das 13:37 e 14:40 estão tremendo nas bases. kkkkkkkkkkkkkkk
Eu penso que esse documentário deveria ir ao ar na TV aberta, no horário nobre, tipo Globo Repórter. Iria chover patrocinadores!

Anônimo disse...

Eh meio fascistoide mas tudo bem...ajudou a nos livrar do Lula.