A advogada gaúcha de Xangri-Lá foi uma das feridas em Curitiba. Ela está "abalada psicologicamente".

O atirador caminha em direção aos provocadores do acampamento que o agrediram. 

Além do presidente do Sindicato dos Jornalistas do RS, Simas Júnior, que ontem intimidou e expulsou o jornalista Marc de Souza, Record, muitos outros gaúchos dão plantão no acampamento montado em Curitiba para defender o réu condenado e preso por corrupção Lula da Silva.

Uma delas é a  advogada Márcia Koakoski, de 42 anos, de Xangri-Lá, apontada como uma das vítimas do ataque a tiros contra o acampamento na madrugada de sábado.

Márcia feriu-se com estilhaços de um banheiro químico onde se encontrava. "Fisicamente não foi grave, mas estou abalada psicologicamente", disse.

Além de Márcia, o presidente do sindicato dos motoboys de Santo André, Jefferson Menezes, também foi atingido. O caso dele é mais grave. Menezes foi alvejado no pescoço e permanece internado - o quadro dele é estável, mas sem previsão de alta. Um inquérito foi instaurado e Menezes deve prestar depoimento sobre o episódio.

31 comentários:

Emmanuel disse...

Procurem ... vão achar petistas nesse negócio!!

Anônimo disse...

Só pelegada gastando o dinheiro dos sindicatos, todas pessoas inúteis

Unknown disse...

INTERESSANTE É QUE A VIOLÊNCIA QUE ELES FAZEM INCLUSIVE ASSASSINATOS A MÍDIA NÃO DIVULGA. O BRASILEIRO JÁ ESTÁ DE SACO CHEIO DESSES PARASITAS COMUNISTAS E ESTÁ PRONTO A EXPLODIR

Anônimo disse...

Se estivesse cuidando da vida em Xangrla..nao estaria nessa situação..
QUEM DEITA COM CACHORROS A NOITE...AMANHECE COM PULGAS.

Anônimo disse...

Deve ser mesmo traumatizante estar na "casinha" e ter que sair correndo literalmente com as calças na mão. Se não estivesse no acampamento fazendo m... isso não teria acontecido.

Dr. Façanha - INTEGRALISTA disse...

Vamos parar de mentir! A advogada estava dentro do banheiro químico, a "bala" atravessou a parede de fibra de vidro, perdeu a força antes de bater no ombro da vítima do louco.
É clara a tentativa de homicídio, não dá para apoiar esse crime.

Anônimo disse...

Essa hostilidade vem de ambos os lados. Peço a Deus que um dia essa intolerância chegue ao fim, e que os brasileiros tenham paz, com muita ORDEM E PROGRESSO.

Anônimo disse...

Vem de todos as partes. Peço a Deus que um dia essa intolerância chegue ao fim, e que os brasileiros tenham paz, com muita ORDEM E PROGRESSO. TABIRA - PERNAMBUCO.

Anônimo disse...

Desde o primeiro dia em que montaram o acampamento já era esperado algum confronto mais sério mas as autoridades fazem de conta que não enxergam nada ou são míopes mesmo.

Anônimo disse...

Ainda ninguém falou sobre a única fonte mais segura e confiável a respeito do ocorrido e que são os resultados da investigação policial sobre estes tiros. Até agora só temos a versão em notas de três reais de "democratas" que sequer permitem a liberdade de imprensa onde estão. Aliás o tal "acampamento marisa letícia" tem o claro "espírito de liberdade" de um pequeno enclave da venezuela bolivariana dentro do Brasil. Isto é o que eles querem para o Brasil.

Anônimo disse...

Nada justifica atirar nas pessoas!

Anônimo disse...

Pensem bem antes de contratar seu serviço a avalie se é de esquerda ou direita.

Anônimo disse...

As esquerdas realmente estão abaladas emocionalmente , foram ideológica e criminalmente desnudadas e o desespero junta-se com um misto de ódio, raiva, fel e sentimento criminoso de justiciamento que sai por todos os poros destes quadrilheiros. O problema é que "pau que nasce torto, morre torto" e os esquerdistas não tem o menor insight, o que os impede de verem a realidade, vêem de forma esquizofrênica apenas suas fantasiosas versões mentais sobre o mundo de Marx.

Anônimo disse...

De onde sai o dinheiro para tantas pessoas ficarem dias e dias, meses e meses sem trabalhar??? Eles descobriram a árvore do dinheiro?

Anônimo disse...

Esta advogada cagona deveria sair do banheiro toda suja e correndo para abraçar a Maria do Rosário.

Ultra 8 disse...

Estes tiros,são identicos aos tiros no onibus do Lula...



Anônimo disse...

Um atentado ao direito dos manos. Tiraram a advogada Márcia , de Xangrilá, de seu momento de mais profunda e produtiva reflexão .!!! Vovó Cândida.

Anônimo disse...

A adVogada tava obrando no banheiro químico e foi alvejada por estilhaços
Kkkkkk
Fico imaginando a cena!
Lkkkkkk

Anônimo disse...

Essa se cagou mesmo!

Anônimo disse...

As redes sociais são o último refúgio dos babacas.

Anônimo disse...

Hoje temos que ver o lado de cada vivente antes de qualquer coisa. Comuna-populista e corruptos não me representam.

Anônimo disse...

>>

Imagine a cena: a petralha fechada no banheiro quimico fazendo suas necessidades e de repente tem que sair correndo com o traseiro todo melecado porque não conseguiu terminar o que estava fazendo!! E o fedor... Ecaaa!!!

<<

Anônimo disse...

Esses comunistas acabaram com o Brasil. A parte honesta do pais esta perdendo a paciencia.

Anônimo disse...

Políbio,

Putz! Mais uma Márcia Tiburra! Não vi a lata mas deve outra baranga do Grelo Duro como toda esquerdista.

Anônimo disse...

Toda cagada em duplo sentido!!! Kkkkk

Anônimo disse...

O pT esta virando especialista em atentados,lembrando que ate hoje nao moveram uma palha para elucidar o assassinato de Celso Daniel.O atentado da caravana cade o resultado?

Anônimo disse...

O cidadão de bem aqui está mais preocupado com a moça do banheiro do que com o rapaz que levou um tiro no pescoço????/

e acham esse fato divertido?????

Depois a galera chama de fascistas e ficam brabos.

Marlos disse...

Esse atirador é um justiceiro de primeira! Virei fã!

Anônimo disse...

Anônimo das 17:04, o " rapaz" que levou o tiro no pescoço deixou a UTI. O " rapaz" tem 39 anos de idade , é o Presidente do Sindicato dos moto-boys . Como tem Presidente de Sindicatos nesse acampamento.!!!

Anônimo disse...

Para mim, as coisas são bem simples. Não acredito em tiros ou violência física, mas não contrato esquerdista, não tenho amizade com esquerdistas, não recomendo esquerdistas para coisa alguma e parei até de consultar-me com um médico que me tratava há mais de 20 anos depois que imolou o cérebro na fogueira petista. Intolerância? Não! Absoluta e total impossibilidade de acreditar e conviver com quem não tem padrões mínimos de decência cívica, de respeito às leis e de moral.

Anônimo disse...

Depois do advogado de porta de cadeia o PT nos brindou com a advogada de banheiro químico. Que evolução!