Governo Temer reduz a zero repasses federais para programas de defesa da comunidade LGBT

No país que mais mata travestis e transexuais no mundo, o governo Temer reduziu a zero repasses federais para programas específicos de defesa da comunidade LGBT.

A comunidade terá que se defender sozinha.

38 comentários:

Unknown disse...

País que mais mata travestis, transexuais, heterossexuais, etc. É o país que mais mata de tudo. Além do mais, essas exposições para sexualizar crianças se utilizam da bandeira LGBT, que nunca repudiaram essas exposições. Não tenho pena. São grupos aparelhados!

Anônimo disse...

Ah ta me engana que eu gosto que o dinheiro ia pra esses programas. O editor é muito inocente.

ganhatudo disse...

Melhor a fazer é colocar o dinheiro na segurança pública que existe para defender todos brasileiros e não categorias específicas.

Anônimo disse...

O que é isso, sr. editor? As pessoas - todas elas - merecem proteção. Não existem vidas mais valiosas que outras. Essa divisão forçada é que é a desgraça do país. TUDO deve ser repassado para a SEGURANÇA DE TODOS.

Anônimo disse...

Segurança é para todos, não para grupos ou pessoas específicas. A Constituição é clara: "Todos são iguais perante as leis." Fim de papo.

Anônimo disse...

Parabéns ao Temer! Fez muito bem!

Anônimo disse...

Mais uma mentira esta de que o Brasil mata mais homossexuais. Assim como se mente que milhares de mulheres pobres morrem de aborto.

Anônimo disse...

Senhor editor eu não entendo, o senhor diz ser contra as esdruxulas exposições SANTANDER e etc... as quais todos sabemos que tem o apoio total da LGBT, e aí vai continuar defendendo estes pobres coitadinhos...

Anônimo disse...

Luiz Felipe, a maioria dessas mortes é gerada dentro do próprio grupo.

Realista disse...

Vamos fazer uma conta, coisa que esquerdista tem horror.
Consideremos a população brasileira em 200 milhões e no último ano foram registrados 60 mil mortes violentas, donde 30 mortes violentas por 100 mil habitantes.
A auto denominada comunidade diz que são 3% da população, ou 6 milhões. Mantendo a proporção seriam....Vamos lá interessados, façam as contas. Comparem as estatísticas.
Qual o motivo de proteção especial a esse grupo de pessoas? E o resto da população não conta? Só serve para pagar as despesas?

Carlo Germani disse...



Não existe homofobia no Brasil.

São assassinadas mais de 100 mil brasileiros/ano (guerra civil explícita)
99,8% são heterossexuais.
0,02 são homossexuais.

E quase 100% dos crime de homossexuais são entre os próprios parceiros.
(principalmente pelo fim da relação).

PS-O editor está equivocado ao fazer apologia para que os homossexuais sejam
classe social especial.
Todos são iguais perante a lei.

Anônimo disse...

Tem é que cobrar de volta

Anônimo disse...

Tá certo o temer. Ninguém é melhor que ninguém.

Anônimo disse...

Editor roeu a corda

Anônimo disse...

Num pais onde há mais de 60 mil homicidios por ano, incluindo, obviamente, os de transexuais e de travestis, por que manter repasses de dinheiro público para programas especificos de defesa da comunidade LGBT? Precisamos de programas de segurança e de defesa da comunidade em geral, de todos os brasileiros.

Anônimo disse...

O Brasil é o país que mais mata homens. E aí não vai ter repasses para esse grupo. Logicamente o objetivo é sempre criar conflitos entre homens, mulheres, gays e por aí vai. O Gramsci agradece.

Anônimo disse...

TODOS temos que nos defender sozinhos, Polibio. E nem temos o direito de usar uma arma para isso.

Anônimo disse...

Demorou!

Anônimo disse...

HOMOSSEXUALISMO É UMA ABOMINAÇÃO DE ACORDO COM A BÍBLIA SAGRADA , DINHEIRO PÚBLICO NÃO DEVE SER INVESTIDO EM PUTARIA , SE O VIADO NÃO QUER SER MORTO QUE SE COMPORTE.

Anônimo disse...

Quando um LGBT é morto por outro LGBT, a mídia não especifica como a pessoa morreu nem quem matou, nada. Agora, se era um criminoso em fuga e foi morto pela polícia, aí caem em cima dos policiais, chamando-os de homofobicos. O mesmo acontece com empregados: se é um incompetente hetero, vai ser despedido e fim de papo; se é incompetente LGBT e for despedido, arma um escarcéu e move um processo contra o ex-patrão por homofobia. Um país com uma mentalidade imbecil dessas não vai crescer nunca; vai ser sempre essa bagaça.

Ultra 8 disse...

MUITO BEM EDITOR!!! MATAM TANTOS TRAVESTIS QUE A ESQUERDA ESTÁ POVIDENCIANDO QUE CRIANÇAS TORNEM-SE TRAVECOS PARA NÃO SUMIR ESTES SERES QUE FARÃO UMA FALTA INESTÍMAVEL A SOCIEDADE CRISTÃ.

TRAVECO SERVE PARA QUE MESMO?

O EDITOR É ESQUERDOPATA?

Mata Viva disse...

que esta comunidade se exploda, vão se lascar

Anônimo disse...

Tomara que ele não volte atrás após mimimi dos gayzistas.

Anônimo disse...

Antes de ser o país que mais mata homexessuais e o país que mais mata crianças, mulheres , jovens , negros enfim e o país onde leis não são cumpridas e leis são feitas para beneficiar bandidos e políticos

Unknown disse...

Homossexuais, quando agredidos/mortos especificamente por sua condição, o são por indivíduos de mesmo gosto.

Dr. FAÇANHA disse...

Fazendo média com a IRMANDADE, Polibio? Medo de ser chamado de PRECONCEITUOSO? Mas todo o mundo, sob o sedoso manto da hipocrisia, não o é?

Anônimo disse...

Se continuar assim, Temer conquistará sua popularidade logo logo! Parabéns Temer!

Anônimo disse...

PARABENS CHEGA DE DAR NOSSA GRANA P PEDOFILOS

Anônimo disse...

Comecem usando a rabiola....

Gustavo disse...

se defender como todos nós, que pagamos os impostos..

Anônimo disse...

No mapa da violencia de 2016 , com quase 60 mil crimes no brasil, sao aprox 250 crimes contra travestis, gays etc.. sendo que mais da metade sao crimes passionais. Existe incusive um video do Mott falando sobre isto.

,mm, disse...

Concordo com todos os comentários até agora. Penso que seria importante esclarecer melhor a posição do editor sobre esse assunto!!!

Unknown disse...

Concordo com você.

candida disse...

Editor postando desinformação.

Anônimo disse...

Mais mata nada ! vai pesquisar primeiro os travesti e que se matam entre sí por causa da prostituição,droga são escoria! que dinheiro vai para o setor privado que se defender vota bolsonaro e tenha uma arma.

Anônimo disse...

Ou seja... terá de contar com a mesma proteção que é prestada as famílias heterossexuais... nada mais justo... igualdade tem de ser em todos os sentidos... bons ou ruins

Anônimo disse...

Que eu saiba morrem milhares de brasileiros todos os dias no Brasil.Os paises mulçumanos sao os que mais matam gays,lesbicas etc.A ong que divulga esta estatistica nao oficial ja fez estatisticas nesses países.

Anônimo disse...

Fez bem chega de piviligiar grupos, verbas e Leis devem ser revertidos para todo cidadão.