Maior fluxo em estradas pedagiadas, reforça projeção de melhor produção industrial em julho

Em linha com a expectativa de que a economia começa a se estabilizar nesse segundo semestre, os indicadores da indústria já conhecidos sugerem que a produção industrial ficará estável na passagem de junho para julho. 

O fluxo total de veículos em estradas pedagiadas subiu 0,1% na passagem de junho para julho, na série dessazonalizada, conforme divulgado pela Associação Brasileira de Concessionárias de Rodovias (ABCR). O desempenho ligeiramente positivo foi impulsionado por veículos pesados, cujo fluxo cresceu 1,1% na margem, ao passo que o de veículos leves registrou alta de 0,1% no mesmo período. Na comparação inter-anual, o fluxo total subiu 2,4%, sendo resultado da alta de 2,1% de leves e de 3,1% de pesados. 

Esse resultado, em conjunto com os demais indicadores já conhecidos, confirmam a visão de estabilidade da produção industrial entre junho e julho. Para o ano, os economistas do Bradesco projetam uma alta de 1,4% na produção industrial.

3 comentários:

Anônimo disse...

Excelente este dado científico para verificar a evolução da economia. Somente um economista renomado como o Políbio é capaz de detectar os rumos da economia brasileira com tanta precisão.
Quem sabe e para confirmar estas projeções, tambem seja utilizado a quantia de vezes que os brasileiros puxam o cordão do vazo sanitário

Ultra 8 disse...

ANALISE PERFEITA DO ANONIMO DAS 11:33

NO DESERTO TAMBÉM SE VÊ OASIS...

O BRASIL É UM DESERTO,ENTÃO O EDITOR ENXERGA OASIS...

PURA ILUSÃO "IDIÓTICA".


Anônimo disse...

Isto tudo é recalque?