Van Hatten recrudesce com projeto que manda presos pagarem suas despesas carcerárias

O deputado Marcel Van Hatten disse ao editor que na reabertura dos trabalhos legislativos, recrudescerá com dois dos seus projetos:

- Escola sem Partido.
- Criação de algo como Bolsa Apenado, que obriga os prisioneiros a bancarem as despesas carcerárias.

É isto.

31 comentários:

Unknown disse...

A solução seriam colônias penais produtivas que pagassem o custo da máquina penal e dos presidiários e suas famílias.
"Só o trabalho dignifica o homem"!!!

Mordaz disse...

Se fosse para pagar alguma coisa deveria ser ressarcir as suas vítimas. Mas estas são desprezadas pelo Estado. Não existe nem bolsa viúves e nem bolsa orfandade.

Anônimo disse...

Todo criminoso sabe que "pode" ser preso.
Se souber que vai ter que pagar por sua "estadia" na cadeia TALVEZ pense duas vezes antes de cometer o crime.
Mais ou menos é o mesmo raciocínio para a pena de morte, que sou a favor, dependendo do tipo de crime.
CRIME PREMEDITADO COMO É O SUBORNO, QUE PODE SER EVITADO, SE OS ENVOLVIDOS TIVEREM CONSCIÊNCIA DA PENA.
Hoje no Brasil o criminoso tem direito de reclamar na justiça se as condições da cadeia forem ruins.

JORGE LOEFFLER .'. disse...

Não sei qual o nível de instrução desse moleque se é que tem instrução esse moleque.
Ele imagina que o mundo é o jardim de infância onde por certo foi muito mimado.
Tais projetos serão colocados junto aos vasos sanitários na AL onde terão efetiva utilidade.

Anônimo disse...

Esse rapaz honra os votos que recebeu. Parabéns Marcel, continua assim e verá que muitos te reconhecem como representante das liberdades, dos direitos civís e das famílias de bem! Aqueles que te agridem são os mesmos responsáveis pelo lastimável estado que o RS vive

Anônimo disse...

Achei interessante os projetos desse Deputado. Escola não é lugar de se fazer política e sim de educar.

Anônimo disse...

Esse homicidazinho agazelado tá fazendo gol contra ehehehe...

Anônimo disse...

VAN HATTEN É O MELHOR DEPUTADO HOJE NO ESTADO.O PENSAMENTO DELE É PELO FIM DO ESTADO COMO ESTADO.O ESTADO NÃO PODE MAIS ARCAR E BANCAR TUDO O QUE ESTÁ AÍ E SER AQUELA MÃESONA.JÁ ERA.O CARA ESTÁ CERTO.ELE NÃO É MOLEQUE.ELE É INTELIGENTE.POR ELE ATÉ O BANRISUL VAI PRA PRIVATIZAÇÃO.E TEM QUE PRIVATIZAR.CHEGA DE SUSTENTAR SERVIDORES GANHANDO SALÁRIOS EXORBITANTES E AINDA FAZENDO ATOS CONTRA O GOVERNO.TEM QUE LIMPAR TUDO.PARABÉNS AO DEPUTADO.NÃO É MOLEQUE.ESTE É HOMEM E TEM DIGNIDADE.

Anônimo disse...

Jorge, saia do armário, você é mais um comunista a ferrar o Brasil

Anônimo disse...

Quanto a questão dos presos, realmente, é necessário fazer com que estes meliantes deem alguma contrapartida ao Estado por suas tropelias. Não sei se este projeto não é de competência federal e o deputado dos cabelos ruivos queira, apenas, estar na mídia.
Quando esta questão de Escola sem Partido, simplesmente não existe educação sem um nível de ideologia. Todos os atos humanos são políticos. O problema é que a ideologia ensinada não contempla o gosto do deputado e afins. Bom então ensine, também, o contraditório, o aluno decide em que acreditar.

Anônimo disse...

OS ANONIMOS ACIMA, contra o projeto, devem ser presidiários se manifestando na sala do Polibio!

Anônimo disse...

Parabéns deputado! Dois projetos ótimos que já deveriam ser aprovados há muito tempo. Força deputado Marcel!

Anônimo disse...

SOLUÇÃO: PRISÕES INDUSTRIAIS PARA QUE ESSES VAGABUNDOS PRODUZAM ALGO.

Anônimo disse...

o pessoal da manu estao em todas aqui no Polibio esta semana, hehehe

Anônimo disse...

essa tropa de choque da manu esta semana aqui demonstram bem seu nivel de instrucao, kkkkkk

Anônimo disse...

Nossaaa..como anda assanhada...uiiii! Ainda defende bolsonaro???

Anônimo disse...

Concordo plenamente! Aplausos para este Deputado. Chega de vagabundo tomando banhinho de sol ou pensando em fuga dentro de presídios. Olha o bando de inútil dentro dos presídios de Charqueadas.

Anônimo disse...

Falsa acusação é crime. Marcel foi inocentado.

Anônimo disse...

Pelo menos o Hatten não veio com mais um projeto de "inclusão social" dos comunas invasores...

Anônimo disse...

Todo mundo sabe quem são as vadias comunistas...

Anônimo disse...

Kkkk Jorge da borracharia?

Anônimo disse...

Inveja mata...

Anônimo disse...

Vádias e horrorosas...kkkkkkkk

NEWTON disse...

Importante que o Jorge continue se manifestando com toda liberdade neste blog, assim podemos ir acompanhando e diagnosticando em que estágio ainda se encontra sua enfermidade política e por tabela também a dos seus pares.

Anônimo disse...

Quer q te mande todo o processo com a condenação puxa saco filho da puta?

Anônimo disse...

O voto do suplente de deputado é vale mais que dos outros Deputados Eleitos? Ou ele, como suplente, vota pelos Deputados eleitos de todas as bancadas?

Anônimo disse...

Pela lógica do suplente de deputado se os presos não pagarem serão soltos ou serão inscritos na divida ativa do estado (que nem empresário paga)?

Anônimo disse...

mas todos est~´ao livres para pagar a conta destes que taNTO ME INCOMODAM, MATAM,,,,
FIQUEM A VONTADE, PODEM LEVA-LOS PARA CASA

Anônimo disse...

Te atualiza! Van Hattem já não é suplente há horas. É deputado estadual e, obviamente, seu voto tem o mesmo peso dos demais.

Anônimo disse...

Este boboca que assassinou uma pessoa no trãnsito e fugiu quer de qualquer maneira ser o Bolsonaro do Sul

Anônimo disse...

Antes da morte, o Ministério Público Federal ingressou com uma ação criminal contra o condutor do veículo, Marcel van Hattem, por lesões corporais leves. A família nunca foi indenizada.[51] O inquérito policial concluiu que Marcel não teve culpa pelo acidente e o arquivamento foi solicitado pelo Poder Judiciário. Apesar disso, as partes interessadas no processo ingressaram com uma ação cível buscando indenização. Essa ação ainda tramita, em fase recursal. O processo pode ser acompanhado através do site do Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul (http://www.tjrs.jus.br/site/), sob o número: 0023131-54.2008.8.21.0166.