Esta manhã, Dilma quer ampliar dissidências no PMDB, PDT e PP do RS

A reunião desta manhã entre prefeitos, vereadores e líderes políticos com Dilma Roussef no Plaza, servirá para medir o tamanho da dissidência de Partidos com o PMDB, PDT e PP, que não apóiam Tarso Genro e no entanto integram a base aliada em Brasília.

. O PT acha que mil pessoas estarão com  a candidata.

. O número e a qualidade das adesões são desprezados pelos líderes do PMDB, PDT e PP, que pretendem marcar na paleta quem estiver presente e divergir da linha de apoios já declarados.

3 comentários:

Anônimo disse...

Os líderes do PP vão marcar os dissidentes, porém quando a Ana Amélia apoiou a Manuela do PCdoB, os mesmos fizeram vistas grossa.Quem sempre usou o microfone por 32 anos, e disse o que sempre quis sem contestação, se acha a verdadeira dona da razão.Os moradores destes municípios estão mais interessados na melhoria da qualidade de vida, independente de onde venha o dinheiro.Estão mais atrás de recursos para suas administrações.

Anônimo disse...

por onde o Cardeal????? Ella anda atrazzz....É bom investigar.....

Anônimo disse...

Quem quiser ser incluído no rol dos perdedores, deve apoiar a Dilma. Marina vai passar o rodo.