Deputado Cassiá Carpes quer "limpeza" no Grupo Hospitalar Conceição

O deputado Cassiá Carpes, PTB, que é da base aliada, mas decidiu assinar o pedido da CPI do Tarso, apresentou requerimento para ouvir Arlindo Ritter,  presidente da Associação dos Servidores do Grupo Hospitalar Conceição,cujo orçamento anual é de R$ 1,2 bilhão e é dominado há 10 anos por políticos do PT e seus aliados. Ele falará na Comissão de Saúde e Meio Ambiente.

. O deputado do PTB recebeu denúncia de que há uma epidemia no Hospital Conceição, devido a desordem administrativa.

. O presidente da Associação dos Servidores, denunciou desordem administrativa (leia acima) decorrente do loteamento dos cargos de direção, prevaricação e má gestão, o que conduziu ao internamento e isolamento de 130 pacientes, tudo devido a falta de limpeza (higienização) do Hospital Conceição, que deveria ser feita por uma empresa terceirizada.

5 comentários:

Anônimo disse...

Tenho amigas que trabalham no Cristo Redentor. É só conversar com funcionários na saída do expediente sem ter de gastar com CPI e os corruptos seberão o que todo munda já sabe. O grupo conceição não é para CPI mas para a polícia federal fora isso é show pirotécnico.

Anônimo disse...

É lamentável que muitos e muitos políticos gaúchos se envolvam facilmente em crimes de todos os tipos. Até a um certo tempo atrás, os gaúchos se gabavam de que o nosso Estado do RS era de "conduta ilibada". Conforme a interpretação que se dá a essa expressão, conduta ilibada "significa que a pessoa deve agir sempre de acordo com a ordem, a moral e os bons costumes."

Eu acho que faz muito tempo que as pessoas perderam a moral, faz tempo que não sabem (incluindo o povo) o que é ordem, não sabem o que é bons constumes (se é que eles algum dia existiram, porque eu ouço histórias de corrupção desde o dia em que nasci).
Ouvimos e lemos em jornais histórias de corrupção em todos os poderes.

Nas próximas eleições, eu realmente não sei em quem votar. Se me mostrarem alguma legenda, sei que todas terão algum nível de corrupção. Existem as coligações de tal forma que, se você não gosta de um partido em particular ,tem que engolir a seco; um partido que é adversário no nível municipal pode ser coligado em nível nacional (tipo PMDB e PT, no governo federal, ou PT e PSDB, no município de Candiota-RS)

Eu, particularmente, não sei mais em quem acreditar.

Anônimo disse...

Quem sabe alguma juiza já não distribui habeas corpos em série por lá ???

Vai economizar os recursos da Policia Federal.

E já manda o IML para recolher as vítimas de todo esse sistema triturador de inocentes...



Anônimo disse...

Todo mundo pro Sírio Libanês, hospital do Lula e da Dilma !!!

Anônimo disse...

Parece que o corpo de funcionários do Hospital, devidamente concursados, só serve para denunciar, fazer greve para ter os melhores salários do RS, mas trabalhar para debelar, ou pelo menos tentar, debelar focos de contaminação. PRIVATIZAÇÃO JÁ.