Ministério Público pede detenção de Alexandre Rambo, marido da deputada Juliana Brizola

A ação 001/2.12.0019449-5 que tramita em segredo de justiça na 1ª. Vara Criminal do Foro Central de Porto Alegre poderá custar caro ao ex-secretário Municipal da Juventude, Alexandre Rambo, marido da deputada Juliana Brizola, que vem a ser neta de Leonel Brizola.

. O Ministério Público Estadual pediu a prisão de Rambo, segundo dados apurados pelo editor na movimentação do dia 30 de novembro. Rambo foi demitido pelo prefeito José Fortunati em 2010, depois de denúncias de graves irregularidades. A denúncia contra ele foi feita pelo promotor Frederico Schneider de Medeiros.

. O caso todo está ligado a crimes licitatórios e lavagem de dinheiro. Um dos envolvidos é a empresa DS, de Canoas, contratada sem licitação. a um contrato superfaturado com uma entidade de Santa Catarina, que recebeu antecipadamente e na boca do caixa, faltando apenas poucas semanas para a eleição de 2008 que resultou na eleição da mulher do ex-secretário da Juventude, no caso a atual deputada Juliana Brizola.

- A própria deputada do PDT continua sob investigação da Subprocuradoria Jurídica do MPE. 

3 comentários:

Anônimo disse...

Polibio, o que tu não notou é que outro dos denunciados que o MP pede a prisão é JONATHAS OURIQUES, chefe de gabinete da deputada JULIANA BRIZOLA

Anônimo disse...

Rambo, como familiar de Brizola deve ir para o Uruguai!!!!

Anônimo disse...

Cadeia pra esses vigários, já!!!!!!!!!!