Outro escândalo envolve Ideli Salvati. Desta vez ela é acusada de comprar máquinas de gelo que foram pagas e nunca foram entregues.

- A nota a seguir é do jornalista Claudio Humberto e repercute em todo o País. A ministra da Pesca, na ocasião, era a mesma Ideli Salvati do caso das lanchas (leia link).

O Ministério da Pesca gastou R$ 37,4 milhões em máquinas de gelo que não foram entregues pelos fabricantes, segundo auditoria do Tribunal de Contas da União. O TCU multou novegestores da pasta por irregularidades nos contratos para a aquisição dos equipamentos.

. Os geradores deveriam ser instalados em comunidades pesqueiras para a conservação dos pescados. Em 2008, durante a gestão do ex-ministro Altemir Gregolin (PT), a pasta lançou concorrência para a escolha das empresas para o contrato, sem especificar qual a destinação dos aparelhos.

. A permissão para a compra do material foi dada pelo ex-secretário de Planejamento da Pesca, Karim Bacha, multado em R$ 10 mil pelo TCU. Também foram condenados a pagar o mesmo valor José Claudenor Vermohlen, então subsecretário, e João Dias Machado, à época coordenador-geral da Pesca Artesanal. Outros seis responsáveis, entre eles o ex-secretário-executivo Cleberson Carneiro Zabaski, foram multados em R$ 4 mil. Informações do Estadão.

Sobre as lanchas.

CLIQUE AQUI para recuperar a reportagem da época.

11 comentários:

Anônimo disse...

Que repercussão, hein? Não se fala noutra coisa nas ruas do país...Ora, conta outra...Vê se isso vai repercutir no povo, que está preocupado com dimdim no bolso e comida na mesa. O que o PT sempre fez e vcs foram incompetentes quando governaram. Por isso tão cedo vcs não voltam ao poder...

Anônimo disse...

Não vai dar eme nada, sabe porque? Porque o PT deixa cair migalhas de proposito para calar a plebe...

Anônimo disse...

Esperar o quê desta senhora?

Surfista Prateado disse...

Resumindo, dadas as multas irrisórias, que só teriam sentido se os valores gastos fossem também devolvidos, O CRIME COMPENSA NO BRASIL. Isso dá a dimensão da nossa "civilização" no Brasil...

Anônimo disse...

Tem alguma coisa errada na informação, se foi em 200o Ideli não era Ministra da Pesca. Assim como não era, por ocasião da compra das lanchas.

Anônimo disse...

Digam pra Ideli chamar o Mário Pelego Rangel, que ele arruma uma boa explicação pra ela.
Dá-lhe pelegada esquerdalha!!!
Ahahahahahhahah!!!!!!!!!!

Anônimo disse...

A juíza Daniele Maranhão Costa, da 5ª Vara da Seção Judiciária do DF, acatou denúncia apontando dano ao erário, enriquecimento ilícito e violação aos princípios administrativos no caso Banco Econômico. São réus nessa ação, além do ex-ministro e banqueiro Ângelo Calmon de Sá, praticamente toda a equipe econômica do governo FHC, incluindo o ex-ministro Pedro Malan, os ex-presidentes do BC Gustavo Loyola e Gustavo Franco. O artigo é de Laurez Cerqueira

Anônimo disse...

Além de feia é corrupta...!!!!

Anônimo disse...

Anônimo das 14:36 não entende o texto, por isso interpreta à maneira de sua reles compreensão. Devia reler para entender que a ministra que já esteve no rolo das lanchas em outra ocasião tb ligada ao ministério da pesca, agora está em mais um. A nota esclarece que a licitação ocorreu com ex-dirigente, mas que por sua vez esteve envolvido no mesmo rolo de idele no caso das lanchas.

Anônimo disse...

No caso das Lanchas Ideli foi abasolvida pela Comissão de Éticado do Governo. Espere a investigação depois falem!!!!!!!

Anônimo disse...

Comissão de ética do governo... que governo? que ética? claro, companheirs sempre se absolvem entre si, se não forem eles que tiverem os bolsos lesados