Conheça em detalhes esmiuçados a estratégia do governo para enfrentar a crise global

Se você quiser saber se existe uma estratégia e qual é ela para que o governo brasileiro enfrente a crise econômica global, o melhor de tudo é examinar o link a seguir. Ele reproduz a íntegra da exposição feita dia 23 pelo Ministro Guido Mantega, ao falar na Câmara dos Deputados.

. O link apresenta tabelas, gráficos e edição resumida.

CLIQUE AQUI para ver.

BIER MARKT - A 26ª entre as 114 razões para amar a cidade
Veja desta semana informa que  Bier Markt é a melhor carta de cervejas da cidade. São 110 rótulos de nove Países. Em 2010, Bier Markt levou o primeiro prêmio como melhor carta de chopes. Suas doze torneiras não usam serpentinas, mas apenas injeções de oxigênio e nitrogênio reguados.Tudo harmonizado com petiscos inspirados na gastronomia alemã. Para cada chope ou cerveja, o copo também customizado.
Castro Alves 442, Porto Alegre/RS, 30132300. WWW.biermarkt.com.br
Em instalação Bier Markt II, na Barão de Santo Ângelo.

2 comentários:

Anônimo disse...

Não chamo isto de detalhes... É uma mera apresentação para dizer que o governo conta apenas com aumento de arrecadação (como se não tivessemos a beira de uma recessão) para tocar o país até 2014.

Em multinacionais faziamos isto quando não tinhamos como cumprir as metas, e os executivos americanos visitavam nossa subsidiária e fingiamos que estava tudo bem.

É de uma superficialidade tão grande, que somente pode ser apresentada ao podre congresso nacional, que não tem conhecimento de nada além de tecnica de roubalheira.

O resumo é o seguinte:
- Se não diminuirmos o tamanho do Estado (Federal e Estadual) estamaremos destruidos em 2014.
- O caminho é privatizar o que pode e o que não pode e ainda arrochar os salários públicos para insentivar os sangue sugas do funcionalismo a sair da mamata pública.

Anônimo disse...

Anônimo das 15:26, como diminuir o tamanho do estado se esse é o mantra repetido por eles para explicar o sucesso ? O Lulla ficou 8 anos e não fez nenhuma reforma ( tributária, previdenciária, política ), só surfou nos gastos pelo aumento de arrecadação. O INSS é um saco de bondades, boa parte não contribui e recebe. A possibilidade de termos sérios problemas é grande, até porque economia de gastos é termo proibido para o governo do PT.