General Tomás entregou a Lula a cabeça do tenente-coronel Cid

O general Tomás mascarará a submissão a Lula porque articulou com o tenente-coronel Cid a sua desistência. Tomás foi nomeado comandante do Exército porque seu antecessor negou submissão a Lula.

O novo comandante do Exército, general Tomás Miguel Miné Ribeiro Paiva, barrou a nomeação do tenente-coronel Mauro Cid no comando do Batalhão de Ações e Comandos de Goiânia. Cid foi ajudante de ordens do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL).

O general atendeu a exigência de Lula.

O comandante avisou o Alto Comando, ontem.

15 comentários:

Anônimo disse...

É melhor ter razão ou um gordo holerite? Essa é a tal submissao das FAs. O cara ralou é estudou por anos e vai colocar tudo fora por causa de ideologia?! Se indispor com um bando de marginais? Isso é só para homens com H, para os bolsonaros da vida. Os caras quer suas 30 moedas e vida mansa.

Anônimo disse...

O "prestigio" do general Thomas deve ter ido "as alturas" com os militares, em especial com os colegas e contemporâneos de AMAN do tenente coronel Cid, hoje quase todos nos cargos de major ou de tenente coronel espalhados pelos quartéis do Brasil todo! Até o general Villas Boas deve ter colocado a mão na consciência sobre a sua furada avaliação sobre o Thomas, Stumpf e colega, citados por Paulo Figueiredo muito amenamente se considerados os fatos dantescos subsequentes protogonizados pelos bem avaliados pelo general Villas Boas. A não ser que Villas Boas também faça parte do time do trio de generais
e esteja só se fazendo de leitão para mamar deitado!

Anônimo disse...

OU ESQUERDIZA PARA SEMPRE OU ENDIREITA DE VEZ.

Carlos Alberto disse...

"Alto Comando"? Isso existe?

Anônimo disse...

Esse general não é aquele melancia também conhecido por goiabão?

Anônimo disse...

parece que estamos a um coturno opa a um passo para se concretizar a Ditadura Comunista no brasil o que eles não conseguiram em meados de 60/70, agora parece que estão conseguindo conquistar a última barreira de capachiar as forças armadas, este novo gal lulista leva jeito por isto está no mesmo balaio podre deste poder

Anônimo disse...

GANHOU o CARGO, no entanto nunca mais terá a confiança daqueles de mesma linhagem!

ganhatudo disse...


e não tem nenhum randolfe na direita/oposição para requerer medidas judiciais contra a interferência de Lola numa instituição de estado, as FFAAs?

Anônimo disse...

Olha a melancia, olha a melancia!!!!

Anônimo disse...

Militar não pode se meter em política. Mas política pode se meter em um assunto técnico do EB?

Anônimo disse...

QUANDO A POLITICA ENTRA PELOS PORTÕES DAS FFAA, A DISCOPLINA FOGE PELOS FUNDOS.......

Anônimo disse...

Com essa decisão do Alto Comando, esse generais sem pundonor se insurgiram no que há de mais sagrado no militarismo, quebraram a hierarquia e a disciplina, por ela não é só debaixo para cima, a recíproca é verdadeira, a tropa deve dar a resposta a altura a esses melancias safados. Agora querem acabar com a elite das FFAA, que são as Forças Especais. Quem viver verá.

Anônimo disse...

Stalin iniciou os expurgos, e os generais capacho cumprem. Aqui é DITADURA BOLIVARIANA.

Anônimo disse...

Políbio, deixa de ser mentiroso; foi o próprio CID que pediu a suspensão de sua nomeação enquanto estiver sendo investigado por CAIXA 2 do CAPITÃO BUNDA SUJA conforme determina o Regulamento Militar.

Anônimo disse...

novo General deve obidiencia ao Presidente da Republica, chefe supremo da forças armadas, Editor golpista queria o que ? Esqueçe que seu idolo fujam está acabado , sua ficha não aciu ainda. mas vamos relevar devido sua idade avançada.