Artigo, Fernão Lara Mesquita, Estadão - Uma mentira puxa a outra


Uma mentira puxa a outra. Até o Lula sabe disso e, excepcionalmente, confessa. O empilhamento de “erros” – e no Brasil a esmagadora maioria deles não passam de mentiras – é a maior maldição nacional. É daí que vem a obesidade mórbida da constituição (245 artigos, 105 emendas) e essa legiferância desenfreada que nos estão matando. Arrotamos “direitos” sem parar mas temos “cerca de” 200 mil leis em vigor (ninguém sabe o número exato), entre elas a que afirma que “ninguém pode alegar em sua defesa o desconhecimento da lei”…

O país real (99,5% da população) vai como vai o mundo da hiper-competição que ruge lá fora: corrigindo o mais rapidamente possível os seus erros porque contemporizar com eles é morte certa. Nada de mais. Até os animais irracionais funcionam assim.

CLIQUE AQUI para ler tudo.

3 comentários:

Unknown disse...

Simplesmente BRILHANTE

Justiniano disse...

O lularápio está desconcertado porque imaginou que o Bolsonaro não estava fazendo nada e levou um choque da realidade que jamais imaginou, porque é vaiado e xingado em tudo que é lugar, porque agora todos sabem das suas trapaças e falcatruas.

Anônimo disse...

Com novos bons juízes com uma avaliação ética, do histórico pessoal e de sua ficha corrida, muitos dos problemas que temos sumirão. Excluam-se ativistas e membros de quaisquer partidos políticos.