Última votação garantirá, hoje, a aprovação da Reforma da Previdência

Senado votará tudo sem problemas.

O Senado deve concluir nesta terça-feira a segunda votação da Reforma da Previdência, oito meses após o texto ser enviado ao Congresso pelo presidente Jair Bolsonaro

A Reforma da Previdência foi a principal proposta do governo Bolsonaro ao longo do ano e trata-se da principal aposta para a melhoria da economia e retomada do crescimento neste início de governo. A expectativa do governo era economizar cerca de R$ 1,1 trilhão ao longo de 10 anos. Com as mudanças já realizadas no Congresso, a previsão caiu para cerca de R$ 800 milhões, segundo o Senado.

4 comentários:

Anônimo disse...

Pelo visto hj será a primeira de muitas derrotas. Dadas as confusões da semana passada, duvido que consiga passar mais alguma coisa neste mandato.

Anônimo disse...

Só na iniciativa privada. E na própria carne sairá ou o governo tem medo?

Anônimo disse...

A aposentadoria dos parlamentares vai bem, a presidencial tambem.

Anônimo disse...

O que fizeram no Chile,estão querendo fazer aqui.O que está acontecendo no Chile,vai acontecer aqui.
Paulo Guedes é um dos pais dessa desgraça que estamos vendo no Chile.
O tempo é o senhor da razão,então esperem,daí já vai ser tarde demais.