Governo manda Exército para Roraima

A partir desta quarta-feira as Forças Armadas irão para as ruas em Roraima.

O anúncio foi feito ontem pelo presidente Michel Temer, que invocou dispositivos que regulam a "lei e a ordem".

O objetivo é evitar novos conflitos entre venezuelanos e brasileiros.

Ainda não há decisão sobre intervenção federal em Roraima.

4 comentários:

Anônimo disse...

O título correto da Manchete é : TEMER GARANTE A SEGURANÇA DOS VENEZUALANOS INFILTRADOS".

Anônimo disse...

1. O exército já está em Roraima; 2. Atuará em Roraima no escopo de garantia da lei e da ordem; 3. Para diminuir o impacto social do regime socialista da Venezuela, que, para não morrer de fome, criou um êxodo de seus cidadãos rumo ao Brasil; e 4. Quem pagará essa conta? Advinhem? Marco Antônio

Anônimo disse...

O PERU e a COLOMBIA adotaram medidas para restringir a entrada de venezuelanos em seus países. !!!

Unknown disse...

Outros países latinos já adotaram a providência que o Brasil JA deveria ter adotado FECHAR FRONTEIRA
A situação dos venezuelanos é dramática, mas a de grande parte população de miseráveis brasileiros também. Não podemos importar alem de mais pobreza, fome e desemprego, doenças epidêmicas já erradicadas por aqui.