Metrô de superfície de Porto Alegre já cobra passagem 94% mais cara

Desde a manhã deste sábado, a tarifa do Trensurb, o metrô de superfície de Porto Alegre, passou de R$ 1,70 para R$ 3,30. O primeiro aumento na passagem de trem desde 2008 foi de 94% — acima da inflação do período — e vai pesar no bolso, ainda que a opção seja mais barata do que o ônibus.

Os governos Lula e Dilma mantiveram as tarifas congeladas durante dez anos, preferindo passar altos subsídios para a estatal federal, e com isto exigindo que o conjunto da população bancasse os custos adicionais, em vez de cobrar os valores reais apenas dos passageiros.

16 comentários:

Anônimo disse...

Agradeçam aos companheiros do PT que por anos não reajustaram a tarifa, o mesmo fizeram com os combustíveis enquanto o petróleo decolava no exterior, o resultado todos já conhecem...

Anônimo disse...

Os usuários estão reclamando no novo preço, eu aqui no interior, sem os serviços tenho que pagar a conta. Viva o populismo.

Anônimo disse...

1,70. Isso é preço de passagem? Porque não deixam tudo de graça de uma vez? Absurdo. Tem que ser 4,00 reais.Acham caro 3,30 depois de vârios anos congelada? Comprem bicicleta

Anônimo disse...

Cobrem a diferença de LULA e DILMA ,estes dois irresponsáveis que maquiavam números e jogavam contas para baixo do tapete para não aparecerem na inflação, verdadeiros traidores do Brasil.

Anônimo disse...

tudo que chega no Brasil como solução acaba mesmo é virando problema...

essepaiz é impressionante!

lembram da redução dos preços das passagens aereas com a cobrança pelo despacho de bagagens?

pois é...

e o preço da gasosa, que so "flutua" pra cima, contrariando até mesmo o principio da gravidade, que nem mesmo essa força excepcional consegue puxar esses preços para baixo...

Anônimo disse...

Engraçado que se o assunto fosse reajuste do funcionalismo público ai os comentaristas acima teriam outra opinião bem diferente!

Anônimo disse...

Acho melhor não cobrar nada, a união paga tudo mesmo, como sempre, ou seja os contribuintes!

Anônimo disse...

Sabem qual é a tarifa dos Metrôs do RIO e SP. Sabem quanto é pago pelo Governo Federal.
Tem investigação para saber que comprou os trens errados que não funcionam. Não foi o Temer.
Porque ainda Novo Hamburgo não tem passagem integrada, que desde a inauguração a prefeitura ( que era do PT ) não fez licitação e se fez, fez errada de proposito.
A OAB não vai se manifestar ou só se manifesta quando atinge Porto Alegre?
E o Ministério Publico nada faz?
Ou seja tem muita coisa podre e que deveria investigar e atuar nada faz.
aguardo mais de um anos resposta do MP e nada. Joel

Anônimo disse...

Quem reclama de pagar pelo serviço que usa (custeado por quem não o faz, durante dez anos) é pessoa injusta, e deveria utilizar as maravilhas dos trens novos adquiridos pelos petistas, ou seja ficarem sentados esperando os consertos por defeito de fabricação.

Anônimo disse...

Falou cara querem andar de graça comprem bicicletas e de tiveram família comprem uma carroça cavalo como capim e fica barato

Anônimo disse...

o Brasil esta tao desbaratinado e despirocado que agora deu pra aparecer um monte gente para defender aumentos de tarifas achando que estao defendendo o capitalismo...

vejo coisa...

Anônimo disse...

o pt deve ser é cassado governaram p banqueiros empreiteiros empresarios seus aliados, é esta gente q teve vantagens cobraram altissimos juros e impostos do povo assim como seguraram os preços p nao subir nao queriam perder votos tivemos 4 governos do pt - imorais e fora da lei sem contar q a grana das campanhas foi roubada veio ate de conta do exterior o que é ilegal por que sera q este partideco nao é punido e por que tanta dificuldade p prender dilmanta e lurapio

Anônimo disse...

Quanto comentário infeliz. O grande problema não é o aumento, mas a forma rápida e abrupta com que ele foi aprovado. Isso é péssimo para os empresários, para os empregados, pode vir a gerar desemprego e ferra com o profissional liberal

Alberto disse...

E os superfaturamentos envolvendo empreiteiras e políticos gaudérios?

Anônimo disse...

Tremsurb ainda serve para algo, diferentemente de funcionário público que não honra o alto salário

Anônimo disse...

A tarifa do metro de Porto Alegre era uma vergonha, em SP temos um metro de primeiro mundo em frequente expansao e sempre foi bem mais caro.

Onde o PT poe a mao da bobagem, nao tem jeito.