PT ataca MPF e Justiça para defender presidente acusada por corrupção

Outro casal que pode acabar na cadeia.

O PT voltou a atacar o Ministério Público Federal ontem a tarde, tudo porque a Procuradora Geral da República, Raquel Dodge, pediu ao STF a cassação do mandato da sua presidente, a senadora Gleisi Hoffmann, acusada por crimes de corrupção e lavagem de dinheiro.

Sem vergonha de mentir, diz o PT:

- O Ministério Público montou a denúncia com base exclusivamente em delações contraditórias de réus interessados em obter benefícios penais, sem apresentar nenhuma prova, o que é contra a lei.

O PT diz que está sendo perseguido pelo MPF e por setores da Justiça.

CLIQUE AQUI para saber das acusações.

33 comentários:

Unknown disse...

Braziu... uma republiqueta de bananas cujas instituições e autoridades permitem que um líder e um partido comunista avacalhem com o Estado de Direito e implementem a retrógrada Cartilha Comunista no seio das relações sociais.
Além disso, são omissos e coniventes com o Genocídio Social relativo à sonegação de saúde, educação e segurança, um verdadeiro holocausto da nação brasileira.
Até quando???

Anônimo disse...

No Brasil é o poste que mija no cachorro, eh eh eh......

Anônimo disse...

Pode-se trocar os personagens PT por PMDB, Gleisi por Temer e Raquel por janot que o post não perde nada do sentido!

Anônimo disse...

PT = QUADRILHA travestida de partido político!



Anônimo disse...

E nó queremos que comunista respeite as leis?

Anônimo disse...

O DNA PUNITIVISTA DO MPF

Para o ex-ministro da Justiça Eugênio Aragão, "não surpreenderam as alegações finais apresentadas pela procuradora-geral da República, Raquel Dodge, contra a senadora Gleisi Hoffmann e o ex-ministro Paulo Bernardo"; "Como na parábola do escorpião e da tartaruga, Sua Excelência não podia negar sua natureza. Afinal, para chegar lá, não contou com a indicação de um chefe de governo eleito e com contas a prestar à sociedade", destaca; para Aragão, "o Ministério Público Federal se livrou do aventureirismo de Janot, mas está longe de se livrar da praga do punitivismo que foi plantado contra o PT e acabou por se alastrar por toda a política, para ceifar, por igual, guerreiros democráticos como Gleisi Hoffmann e atores reacionários e antipopulares, que têm no patrimonialismo e no clientelismo corruptos sua prática cotidiana"
25/11/2017 - Brasil 247

Anônimo disse...

O MPF é um dos principais atores do consórcio golpista que tirou Dilma e no seu lugar colocou a quadrilha de ladrões que a PGR costuma se encontrar na calada da noite para "conversar". Mais do mesmo!

Anônimo disse...

Essa ação do MPF tem como objetivo abafar o caso da propina da Globo, em evidência no momento. Isso sempre acontece quando os aliados do MPF são atingidos por denúncias. Logo vem a contraofensiva dessa corporação.

Anônimo disse...

A mosca azul picou uns escorpiões. Já vimos isso antes. Repeteco. Repeteco. Repeteco.

Anônimo disse...

PT, PDT e Psol entram na Justiça contra propina da Globo à Fifa:

FERNANDO BRITO · 22/11/2017 - O Tijolaço

Reproduzo, ao final do post, cópia da representação entregue hoje pelo PT, PDT e Psol à Procuradoria Geral da República pedindo que a Globo seja investigada “pelos crimes contra a ordem tributária e lavagem de dinheiro, decorrentes do pagamento de suborno em contratos para a transmissão de eventos esportivos”. Além desta, os partidos protocolaram pedidos junto ao Cade – Conselho Administrativo de Defesa Econômica – por fraude à concorrência na compra dos direitos de transmissão e, pelo mesmo motivo, no Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações, responsável pela fiscalização das concessões de rádio e televisão.

O empresário Alejandro Burzaco, semana passada, apresentou à Justiça dos Estados Unidos datas, nomes, incluindo do ex-diretor de esportes das emissora, Marcelo Campos Pinto e do empresário J.Hawilla, que teriam realizado transferências bancárias dos pagamentos do suborno feito pela Globo a dirigentes da Fifapara conseguir a exclusividade na transmissão dos jogos.

“Para se ter uma ideia, só com a Copa do Mundo de 2014 a Globo recebeu R$ 2,8 bilhões em patrocínios”, diz a representação à PGR.

“Embora a corrupção privada ainda não seja crime no Brasil, a investigação dos fatos narrados por Burzaco se justifica na medida em que pode revelar a prática de outras condutas tipificadas pela legislação penal brasileira, em especial, crimes tributários, crimes contra a ordem econômica, lavagem de dinheiro e crimes concorrenciais”, argumentam os partidos na denúncia .

PT, PDT e PSOL dizem que “a Convenção das Nações Unidas contra a Corrupção, da qual o Brasil é signatário, admite que pessoas que prestem serviço em uma empresa pública ou que preste serviço público (como é a concessão de radiodifusão) pode ser considerada funcionário púbico” para efeitos legais.

Ao Ministro de Ciência e Tecnologia, os três partidos pedem que casse a concessão da Globo com base no artigo 53 da Lei 4.117/62 (Lei Geral das Telecomunicações), que diz o seguinte: “Constitui abuso, no exercício de liberdade da radiodifusão, o emprego desse meio de comunicação para a prática de crime ou contravenção previstos na legislação em vigor no País”.

O que, no caso da Globo, não vem ao caso.

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

Três dias após a PGR responde, indicia oferece denuncia no STF contra a Globo, digo, contra uma das pessoas que subscreveram a ação contra a Rede Globo. Perguntar não ofende: A PGR atua "a longa manus" da Globo?

Anônimo disse...

CAPA DE VEJA APONTA INDÚSTRIA DAS DELAÇÕES MILIONÁRIAS

Reportagem que mostra vida luxuosa dos advogados que defendem investigados na Lava Jato causou repercussão negativa na classe, que passou a questionar o conteúdo da revista;
o criminalista Adriano Bretas, que defende Antonio Palocci e sai na capa da publicação fumando um charuto, entrou para o time dos críticos se dizendo enganado sobre a pauta; ele também disse que as fotos foram feitas após o fim do expediente, em um momento de descontração
25 DE NOVEMBRO DE 2017 ÀS 09:22 // TV 247 NO YOUTUBE Youtube

Anônimo disse...

Melhor esperar o livro do Tacla Duran pra saber quem ficou rico.

Anônimo disse...

LOBISTA DA ODEBRECHT VISITOU JUCÁ 75 VEZES

Líder do governo no Senado e presidente nacional do PMDB, Romero Jucá (PMDB-RR) foi o senador mais visitado pelo lobista da Odebrecht Cláudio Melo Filho, delator da Lava Jato, no período em que tramitaram medidas provisórias de interesse da empresa que teriam sido aprovadas por meio de pagamento de propina a parlamentares, de acordo com delatores do grupo; nos dias em que essas MPs tramitaram no Congresso, Melo Filho entrou no Senado cerca de 20 vezes em direção ao gabinete de Jucá; de 2009 a 2014, foram 75 vezes visitas ao senador; os registros de entrada foram fornecidos pela Secretaria de Polícia do Senado e constam em inquérito da PF
25 DE NOVEMBRO DE 2017 ÀS 06:24 // TV 247 NO YOUTUBE Youtube

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

Em que pé está essa investigação na PGR? Se é que tem ou teve investigação?

Anônimo disse...

TCU RECUSA CONVITE DE JANTAR NATALINO COM O INVESTIGADO TEMER
Rafael Carvalho
Integrantes do Tribunal de Contas da União (TCU), presidido pelo ministro Raimundo Carreiro, decidiram rejeitar um convite de jantar natalino feito por Michel Temer alegando desconforto em celebrar com um mandatário investigado e em situação de crise política
25 DE NOVEMBRO DE 2017 ÀS 06:31 // TV 247 NO YOUTUBE Youtube

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

Já a PGR foi flagrada pela imprensa entrando no Palácio do Jaburu fora da agenda....

Anônimo disse...

Essa mulher apoio incansavelmente os desgovernos corruptos do PT e tanto ela como o marido envolvidos em escândalos gigantesco de corrupção. Tem de pagar por seus crimes. Ela me fez muita raiva esses anos todos com estes discursos absurdos em defesa da Dilmandioca.

Anônimo disse...

O judiciário federal, Sergio Moro, MP, PF, etc, espetacularizam para CACIFAR suas constantes pretensões a aumentos de vencimentos e vantagens. Funcionário público não desvia o olhar do próprio umbigo, digo, do próprio BOLSO. Moralismo aí é mito para ingênuos.

Anônimo disse...

Ao pedir condenação de Gleisi, Dodge apela à opinião pública:

24/11/2017

Jornal GGN - Ao pedir a condenação da senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) e de seu marido, o ex-ministro do Planejamento Paulo Bernardo, a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, apela à opinião pública, alegando a "frustação da comunidade", "comoção social", "descrédito" e "descrença da população".

"Os fatos perpetrados pelos denunciados, devidamente descritos na peça acusatória, possuem significância que transportam os limites da tolerabilidade, causando frustração à comunidade. Os crimes praticados à sorrelfa, valendo-se de seus mandatos eletivos, possuem alto grau de reprovabilidade, causam comoção social, descrédito, além de serem capazes de produzir intranquilidade social e descrença da população, vítima mediata da prática criminosa de tal espécie", afirmou Dodge. (...)

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

Tática "surrada" da Lava Jato de Curitiba, uso da midia pressionar o Ministros do STF para condenar a Senadora.

Anônimo disse...

A Procuradoria-Geral da República (PGR) ainda não abriu inquérito sobre as delações dos ex-executivos da empreiteira Odebrecht Carlos Armando Paschoal, Arnaldo Cumplido de Souza e Benedicto Júnior, que citaram repasses de aproximadamente R$ 10,3 milhões ao governador paulista, Geraldo Alckmin (PSDB), nas campanhas eleitorais de 2010 e 2014, nas quais ele saiu vencedor. As delações foram tornadas públicas em abril deste ano, mas, passados sete meses, nenhum citado foi ouvido e nenhum procedimento investigativo foi realizado. Segundo os delatores, o dinheiro da propina vinha de contratos de obras com a Sabesp e com a Linha 6-Laranja do Metrô paulista. “Justamente num tempo em que a Justiça brasileira diz querer acabar com a corrupção, por que alguns têm a vida revirada e outros são esquecidos?”,

Anônimo disse...

Que o Petralha 12:29 é admirador de ladrões é notório! Só resta ver se ele faz
SÓ APOLOGIA AO CRIME ou qual é sua função no quadrilhão!

Anônimo disse...

Cada um colhe o que planta, ninguém escapa de seu passado.

Anônimo disse...

Petralha 12:29,pelo teu jeitinho de comovido com a "guerreira gleise", és mais um dos que chifraram o Paulo Bernardo. Também, não fez vantagem, pois por onde
passa boi, passa boiada e o chifrudo deve estar até agradecido por existirem tantos retardados apreciadores deste seu material, caido em boca de matildes.

Anônimo disse...

"Qual a ética é ensinada nas faculdades de Direito para formar alguns juízes com tão mau caráter?"

Eliana Calmon (Ex Ministra do STJ e ex-corregedora do CNJ)

Anônimo disse...

Grande novidade os PeTralhas atacarem as Instituições quando é contra algum deles, faz parte do "jogo prá torcida", cartilha de Lênin:"“Acuse os adversários do que você faz, chame-os do que você é”.

Anônimo disse...

STJ já recebeu pedido para investigar Alckmin, mas mantém caso em segredo
O Jornal de todos Brasis
STJ já recebeu pedido para investigar Alckmin, mas mantém caso em segredo
55
SAB, 25/11/2017 - 09:59
Foto: Vanessa Carvalho/Brazil Photo Press/LatinContent/Getty Images



Jornal GGN - O Superior Tribunal de Justiça recebeu, no dia 22 de novembro, o pedido de instauração de inquérito contra Geraldo Alckmin (PSDB) por suposto recebimento de propina da Odebrecht. Mas mantém o caso em total sigilo, de acordo com informações de Mônica Bergamo, na Folha deste sábado (25).

Segundo a jornalista, o nome de Alckmin não consta na página do tribunal que permite o acesso e consulta a processos. A única informação disponível é que o "requerido", ou seja, a pessoa investigação está "em apuração".

A denúncia surgiu na Lava Jato após a delação de Odebrecht apontar que o governador recebeu propina em sua eleição, no valor total de R$ 10 milhões, duas vezes: em 2010 e 2014. Um cunhado do tucano teria sido destacado para recolher os recursos.

Como Alckmin tem foro privilegiado, foi necessária uma autorização do relator da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal, ministro Edson Fachin, para que o pedido de investigação fosse enviado ao STJ. Lá, ele foi despachado para o gabinete da ministra Nancy Andrighi, segundo Bergamo. (...)

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

Agora o STJ vai ter de pedir a bença, digo, autorização para a AL de SP poder processar Alkmin, ou seja, não vai levar.

Anônimo disse...

No Caso de Akmin, PSDB, com certeza será negado abertura de processo contra esse tucanalha por que ele como é óbvio não é do PT. E não adianta provas cabais, delações, ilações e convicções.

Anônimo disse...

Será que o Tucano Alkmin vai ter o processo "acelerado" igual ao de Lula, para resolver antes da campanha eleitoral de 2018?

Anônimo disse...

O judiciário,assim como sua irmã,a mídia golpista,aproveita-se destas situações para "tirar" um extra,e como forma de chantagem contra políticos do PT.

O santo/PSDB do palácio dos Bandeirantes precisa ser investigado e já. A justiça não pode mais servir de arma contra ou a favor de ninguém.

Anônimo disse...

A vida é curta demais para se beber cerveja barata!!

A diferença entre o Brasil e a República Checa é que, a República Checa tem o governo em Praga, e o Brasil a praga no governo!

Anônimo disse...

...Praticamente o mesmo " Modus Operandi" da época do golpe militar.

Naquele tempo, ninguém da mídia livre dava nem um pio pois seria imediatamente " arrochado " !!

Hoje em dia, a Casa Grande e sua mídia "Deus-me-Livre", apenas protege os seus !!

Quando puxar a ficha daqui a uns 50 anos, aparece lá: NADA CONSTA em alguns amigos da casa grande, como aécio/PSDB, Serra/PSDB, Alkmin/PSDB, Temer/PMDB; Padilha/PMDB, Gato Angorá/PMDB, Cunha/PMDB; Jucá/ PMDB..... Já os do PT vão aparecer em letras "garrafais"....

Anônimo disse...

Petralha 12:29, que desculpinha esfarrapada esta da Gleise! Em público elogias a amante, e, por debaixo dos panos, aumentas o chifre do chifrudo.Como és sorrateiro,dissimulado e prevalecido com a mansidão do pobre!
Ou estás somente cumprindo a tua sina de que "petralha que chifra petralha é coisa que tarda mais não falha"???

Anônimo disse...

Cadeia para corrupto, independente de partido.

Anônimo disse...

Quero que Alkmin, todo o PSDBosta, luladrão e todo o PT bosta vão para o fundo do inferno! E levem junto o PMDB, a maior prostituta da República!

Anônimo disse...

Dilma Pasadena ladra Fucking Thief!

A esquerdalha do STF, nomeada pela própria ladra, violou a constituição pra manter os direitos da políticos dela apesar do impeachment.