Governo central tem déficit primário de R$ 20,152 bilhões em julho

O governo central registrou um déficit primário de R$ 20,152 bilhões em julho, o pior desempenho para o mês da série histórica, que tem início em 1997. O resultado, que reúne as contas do Tesouro Nacional, Previdência Social e Banco Central, sucede o déficit de R$ 19,227 bilhões de junho.

O resultado de julho ficou acima das expectativas do mercado financeiro, cuja mediana apontava um déficit de R$ 18,2 bilhões, de acordo com levantamento do Projeções Broadcast junto a 24 instituições financeiras. O dado do mês passado ficou dentro do intervalo das estimativas, que foram de déficit de R$ 25 bilhões a R$ 11,15 bilhões.

Entre janeiro e julho deste ano, o resultado primário foi de déficit de R$ 76,277 bilhões, também o pior resultado para o período da série histórica. Nos primeiros sete meses do ano passado, esse mesmo resultado era negativo em R$ 55,693 bilhões.

5 comentários:

Anônimo disse...

E o Meireles Friboi Original continua ministro ?

Anônimo disse...

Esse é o estilo PMDB de governar que o editor tem muito afinidade.
PMDB assim como PT não quer reduzir o tamanho do estado, ambos acham que o dinheiro emprestado não se paga. Que se dane o futuro, como são todos velhos beirando 80 anos de idade só pensam no futuro.

Anônimo disse...

É Meirelles, vc desta vez não pegou o Legado do FHC e sim de Lula/Dilma/PT.Pegar a sucessão de Gestões petistas é pegar o pão que o CaPTa amassou.

Anônimo disse...

Precisamos urgentemente mais um aumentozinho de impostos. O PMDB sabe fazer isso

Anônimo disse...

E qual é a novidade! Só sabemos perder! Deveriam contratar gestores para administrar a Economia e não políticos.