BNDES tem interesse na Corsan

O BNDES já deixou claro que não tem interesse no Badesul e no BRDE, mas aceita discutir a compra da Corsan.

O banco fez isto com a Cedae, Rio, porque irá comprá-la e depois revender.

4 comentários:

Anônimo disse...

Este BNDES é um banco dos propinões. Sendo propina alta, muito alta mesmo,
estão dispensadas as garantias e os avalistas. E até agora no governo Temer,
tudo continua em segredo naquela arapuca.A solução seria extinguir aquele bordelão e colocar na rua seus funcionários, que são 99,9% PETRALHAS, prontos
para preparar o caminho dos cofres para qualquer aventureiro, como os açougueiros FRIVACAS e DESDE QUE "MOLHEM BEM" os bolsos dos funcionários petralhas encarrapatados e mamadores do banco dos propinões e maior formador de cartéis no Brasil por todas as áreas onde meteu o bedelho, vide odebrecht e carnes e outros tantos.

Anônimo disse...

É bom que se diga, que a área de saneamento, irá ser uma das que mais terá investimento tanto público quanto privado nos próximos anos. Não há motivo para vender a Corsan para o BNDES, a não ser que pague, em leilão público, preço acima das demais concorrentes. Além disso, o prêmio pela compra da Corsan deve ser alto, pois será grande a injeção de recursos nessa área. O Brasil ainda engatinha em termos de saneamento básico, por isso, há a necessidade de tantos aportes públicos e privados. O que não se pode é vender a Corsan por uns trocos, como fizeram com a CRT, só para fazer caixa. A CRT era ruim, mas a OI não é lá muito melhor não, além de cobrar caro pelos seus serviços. Lembrando que na época da CRT não era o serviço que era caro, mas sim precisa-se tornar-se sócio da CRT, além da demora claro.

Anônimo disse...

O BNDES deveria ser fechado, pois perdeu sua característica de Banco de Desenvolvimento depois de ser aparelhado por funcionários do PT. Quem ainda confia nesse Bco?

Anônimo disse...

E tem um doutor, aposentado do BNDEs, que disse: Quando falta garantia (para os países amigos do nove dedos) o Tesouro direto dá seus próprios títulos para viabilizar o empréstimo.

PQP

Em sendo verdade, comparar com roubo, não deixa nenhuma discrepância