Juiz atende pedido de indenização de Fernanda Young, mas reduz valor porque "ela tem reputação elástica"

Foto disponibilizada naPlayboy e nas ferramentas do Google. CLIQUE AQUI para ver mais.

Atacada na internet em 2015, a escritora e atriz Fernanda Young entrou com processo contra seu agressor, Hugo Leonardo de Oliveira Correa, que usou um perfil falso no Instagram para chamá-la de “vadia lésbica” e a ofendeu com termos chulos. Em decisão desta semana, o juiz Christopher Alexander Roisin, da 11ª Vara Cível de São Paulo, concedeu ganho de causa à atriz e definiu que ela deveria receber uma indenização por danos morais. O valor, porém, é de apenas 5.000 reais. Isso porque, segundo o magistrado, Fernanda tem uma “reputação elástica”.

A notícia é de Veja.

Leia tudo: 


“A valor leva em conta ainda o fato da autora ter artisticamente posado nua, de modo que sua reputação é mais elástica, inclusive porque se sujeitou a publicar fotografia fazendo sinal obsceno, publicou fotografia exibindo os seios e não se limitou a defender-se, afirmando que terceiros seriam ‘burros’”, diz o juiz na decisão.

CLIQUE AQUI para ler mais.