Simers flagra pacientes no chão da emergência psiquiátrica da Cruzeiro

O jornal Correio do Povo de hoje apresenta fotos dos pacientes espalhados pelo chão duro. Está tudo na capa do diário.


A defesa do SUS foi a temática da abertura do Congresso das Secretarias Municipais da Saúde, ontem, no Plaza, Porto Alegre. 

Numa razzia inesperada, o Sindicato Médico do RS flagrou ontem a tarde um conjunto de quatro pacientes enfiados no chão duro da emergência psiquiátrica do Pronto Atendimento Cruzeiro do Sul, Porto Alegre, que trabalha sob a responsabilidade da prefeitura de Porto Alegre. Eles estavam sobre colchonetes. Além dos quatro, outros seis superlotavam o local onde só existem 14 leitos disponíveis. Os excedentes que não estão no chão, ocupam macas deixadas pelo Samu.

É a terceira vez em seis meses que o Simers flagra irregularidades.A entidade médica quer que a prefeiture amplie vagas e recupere as 40 vagas extintas no Hospital Parque Belém.

4 comentários:

Anônimo disse...

É este tipo de gestão que o Prefeito mais incapaz da história de Porto Alegre quer levar às aulas das universidades.

Anônimo disse...

A culpa é da Lucina Genro e da CUT e do PSOL

elias disse...

12:26
Esses ai tem culpa sim. Apoiam a maior quadrilha já vista no MUNDO que acabou com o pais e suas estatais!
Por tabela, com a saude também!
Você deve fazer parte da quadrilha . Parabéns . Teu CC está em dia?

Anônimo disse...

Isso foi o que sobrou de tanta roubalheira. Saquearam o Brasil.