Produção industrial brasileira despencou 8,9% em julho

Em comparação com o mesmo mês do ano passado, a produção industrial brasileira caiu 8,9%.

Um comentário:

Anônimo disse...

Produção no pré-sal já passa de 1 milhão de barris por dia:

Em julho, a produção do pré-sal, oriunda de 54 poços, foi de 812,1 mil barris por dia de petróleo e 30,5 milhões de metros cúbicos por dia (m³/d) de gás natural, totalizando pouco mais de 1 milhão de barris de óleo equivalente por dia. Houve aumento de 8,4% em relação ao mês anterior, informou nesta terça-feira a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustível (ANP).

Já a produção total de petróleo e gás natural no país, no mês passado, ficou em cerca de 3,066 milhões de barris de óleo equivalente (boe) por dia, dos quais 2,466 milhões de barris diários de petróleo e 95,3 milhões de m³ de gás natural. Na comparação com o mesmo mês de 2014, houve aumento de 8,8% na produção de petróleo e de 2,9% em relação ao mês anterior. A produção de gás natural aumentou 8,5%, se comparada à de julho de 2014, e caiu 0,2% frente ao mês anterior.

O Campo de Roncador, na Bacia de Campos, registrou a maior produção de petróleo, com uma média de 371,3 mil barris por dia, e o Campo de Lula, na Bacia de Santos, foi o maior produtor de gás natural, com média de 14,3 milhões de m³ por dia.

PS: Tá na hora do editor começar dar uma boa noticia de vez enquando, senão os blogueiros tem blogueiro que vai ter um treco, digo, entrar em extase, porque eles gostiam de ouvir mas noticias. Uma porque sofrem da sindrome do cachoro vira lata e, duas, porque querem provar suas teorias, mesmo que para isso afundem junto. Enquanto isso, tomem remedinho para dormir.