Mantega tenta conter alta do dólar e zera IOF para dinheiro que entra do exterior

Depois de reunião que manteve ao final da tarde com a presidente Dilma Rousseff, o ministro da Fazenda anunciou que o governo zerou o Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) para os estrangeiros que aplicam em renda fixa no Brasil.

. Desde outubro de 2010, a alíquota em vigor era 6%. 

. A medida tem como objetivo estimular a entrada de recursos externos (dólares) e conter a alta do dólar registrada nas últimas semanas.Para Mantega, é possível observar “uma redução da liquidez internacional”, o que leva a “retirar obstáculos para ingresso de capital estrangeiro"

. O dólar fechou a R$ 2,12, com valorização de 0,08%.

3 comentários:

Anônimo disse...

Hipocritamente, os PTralhas cacarejavam por todos lados de que a valorização da moeda Real era consequência do sucesso brasileiro. Naquele estilo "sou bom, mas que culpa eu tenho?", com a mesma cara cínica que caracteriza a figura de um nosso conhecido. E agora? A desvalorização do Real de mais de 30% nos últimos meses é devido ao fracasso da nossa economia? O governo pode ir tirando as "porteiras e mata-burros" para o dólar que ele entrará cada vez menos. Uma das opções seriam os investimentos diretos que o governo teima em não ceder a iniciativa privada.

Anônimo disse...

Políbio,

Só idiota trás dolares do exterior para Renda Fixa no Brasil.

O dolar deve bater R$ 2,30 em 2013 com previsão de fechar o ano acima de R$ 2,20/2,25!!

JulioK

Anônimo disse...

Definitivamente somos um país de otários.