Ministério da Cultura aprova contas que MPE rejeitou ao processar empreendedores do Natal Luz

Nesta sexta-feira,  os advogados Amadeu Weinmann e Claudio Candiota Filho, revelaram uma informação que desde dezembro vinha sendo mantida sob clausura em Gramado, RS.

. A notícia, publicada em matéria paga de capa no jornal Integração, surpreendeu até mesmo quem não duvidava das ações civil e criminal movida pelo Ministério Público Estadual contra os empreendedores que administraram o Natal Luz durante 26 anos.

. É que o Ministério da Cultura acaba de aprovar as contas de 2009 e 2010 do Natal Luz. Elas foram impugnadas pelo MPE , o que desencadeou a Operação Papai Noel e os dois processos que tramitam no Foro de Gramado.

- Sobre o caso, eis o que disse ao editor o advogado Amadeu Weinmann: “Isto prova a fragilidade e insustentabilidade das acusações, já demonstrada pela perícia contábil apresentada em juízo. Agora, o próprio governo federal respalda o que dissemos”. 

Nenhum comentário: