Desembargador federal Sebastião Coelho defende o 142 para conter Moraes e o STF

O desembargador Sebastião Coelho, aposentado a pedido do TJ do Distrito Federal, voltou a defender, ontem a noite, a imediata prisão do ministro Alexandre de Moraes, presidente do TSE. Foi na estreia do programa diário Oeste sem Filtro, que começou ontem.

O magistrado aposentado avisou que dificilmente alguém cumprirá a missão sem que sejam implementadas medidas legais para contê-lo:

- É o caso da aplicação do artigo 142 da Constituição Federal.

Simples assim.

CLIQUE AQUI para saber como foi o discurso de Coelho na manifestação de Brasília, domingo.

11 comentários:

Anônimo disse...

O certo seria isso já que ele está perseguindo e prendendo os conservadores ilegalmente.

Anônimo disse...

Nesses casos sempre cabe recurso ao plenário, seja de qual corte for.

Cala a boca, editor.

Anônimo disse...

Nós defendemos qualquer ação das FA que nos liberte da tirania, esses ministros já passaram dos limites há muito tempo.

Anônimo disse...

142 já. Aliás, já era pra ser ontem. Os abusos continuam sendo cometidos dia sim outro também.

Anônimo disse...

Desembargador de pijama, não apita nada

Anônimo disse...

Esse é um merda, pode ser preso como cidadão comum, perdeu a "imunidade" do cargo.

Dias disse...

O Referido Juiz PEDIU aposentadoria. Post incorrendo em falha grave.

Anônimo disse...

Combate à fake news e ataques à democracia virou abuso de autoridade. Só no Brasil mesmo.

Anônimo disse...

E o 142 mata vários ratões numa cajadada só!

Anônimo disse...

"URGENTE"

Em reunião, comandantes desaconselham reação a Moraes:

24.11.22 - O Antagonista

Generais disseram a Jair Bolsonaro que não há consenso sobre decisão contra pleito do PL sobre urnas

Em reunião, comandantes desaconselham reação a Moraes

Na reunião com Jair Bolsonaro mais cedo, no Palácio da Alvorada, os comandantes do Exército, da Aeronáutica e da Marinha desaconselharam qualquer reação à decisão de Alexandre de Moraes, que condenou o PL ao pagamento de multa de R$ 22,9 milhões por litigância de má-fé.

Ao presidente, eles disseram não haver consenso no Alto Comando sobre a aplicação do artigo 142, como querem os manifestantes que se aglomeram em frente aos quartéis — alguns pedem a prisão de Moraes ou a dissolução do Supremo.

Dois integrantes da elite militar se disseram constrangidos pelos protestos.

Também não há disposição entre os generais para uma eventual manifestação pública das Forças Armadas contra o ministro.

PS, Motivo: Se a "anuência" da "Embaixada Americana" não tem golpe.

Anônimo disse...

Esse é o momento que a nação estava esperando. Um denuncia consistente de fraude mostrando 60% das urnas bichadas. E justamente essas urnas bichadas deram vitória ao Lula. As urnas não bichadas (40%) deram vitória ao Bolsonaro por mais de 1.000.000 de votos.
Precisa de mais?

O BOLSONARO E AS FABs MAIS UMA VEZ ESTÃO VACILANDO.

O povo está muito atento a esse movimento. Desta vez ninguém vai perdoar.

O Bolsonaro e as FBAs podem sair como herois ou com grandes covardes e traíras!