Assembléia do RS fecha a semana de votações com a aprovação de 55 projetos

Com a aprovação de mais nove matérias na sessão da tarde dessa quinta-feira, a Assembleia Legislativa concluiu a pauta de votações desta semana, com a aprovação de 55 propostas, muitas delas do Executivo estadual, enviadas ao Legislativo em regime de urgência.

. Ainda foram aprovadas nesta quinta-feira as seguintes matérias que o editor considera as mais relevantes:

• PL 252 2012, do Poder Judiciário, criando 30 cargos de desembargador, por unanimidade.
• PL 179 2013, do Poder Judiciário, alterando leis que dispõem sobre o Estatuto da Magistratura, o Código de Organização Judiciária do Estado e sobre a composição dos Sistema Estadual dos Juizados Especiais e de Pequenas Causas Cíveis.

Um comentário:

Anônimo disse...

Mídia e PSDB noticiam: Petrobras tem “32% de chances de falir”. É? Então a Vale tem 59%.

A irresponsabilidade da imprensa para com a Petrobras só não é maior que seu ódio pela empresa.

E, acabo me convencendo, que a sua burrice e despreparo.

Boa parte dos sites de economia está publicando a asneira do ano e, claro, o PSDB, idiota, foi atrás e tascou no seu site.

É a notícia de que a Petrobras tem 32% de chances de falir nos próximos dois anos, segundo “um estudo” da consultoria Macroaxis.

Não há estudo algum, seus patetas!

A Macroaxis é apenas um site de “cálculos de investimento” automatizado, que pega dados financeiros brutos, aplica uma fórmula e “tira conclusões”. Uma “maquininha” de previsões que pega o sobe e desce das ações e projeta mecanicamente.

E chega a conclusões, obviamente, burras.

Menos burras, claro, que quem as divulga dessa forma.

A história é a seguinte:

Há um brasileiro que “contribui” com a Forbes, como centenas que escrevem em seu site. Antunes, um “famous who”, que se divertiu ano passado fazendo um texto sobre as possibilidades de Neymar, gastando demais, falir.

Este ano, descobriu o site Macroaxis e foi buscar entretenimento calculando as possibilidades de falência da Petrobras, certo de que bater na estatal brasileira é porta de entrada escancarada para obter espaço na mídia.

E os “complexo de vira-lata” copiam tudo o que sai na Forbes…

Bom, este modesto blogueiro aqui, descobrindo como foi feito o tal “estudo da consultoria Macroaxis”, pensou, simplório como é: pau que dá em Chico, dá em Francisco.

Inscreveu-se no site e pediu para calcular as possibilidades de a Vale, maior mineradora do mundo, falir.

Não deu outra: 59% de chances de falência nos próximos dois anos! Está lá em cima a imagem e o amigo e a amiga podem fazer os cálculos na página brincadeirinha financeira, que nem sequer o nome da equipe ou dos dirigentes da “empresa” traz.

Que ridículo!

E que imbecis os meus colegas de profissão que dão “notícias” baseados numa baboseira destas.

Tomara que nenhum chefe de família que tenha posto um dinheirinho em ações da Petrobras, ao ler, tenha saído correndo para vender.

Estes palhaços fazem isso com a maior empresa brasileira, responsável pela extração do mar de riquezas que a providência nos deu no pré-sal.

E se dizem jornalistas de economia. Ah, e os tucanos, gente que entende de negócios.

Palermas.