Maia quer votar Caso Temer no dia 2. Oposição não tem voto para abrir sessão.

A votação do plenário no caso da admissibilidade da ação que a PGR quer intentar contra Michel Temer será aberta e no microfone.

Os deputados serão chamados por Estado, alternadamente, em ordem alfabética.

Tudo sairá no dia 2 de agosto, caso prevaleça a intenção do presidente da Câmara Rodrigo Maia, em comunicado enviado ontem aos seus pares.

O governo não tem pressa e por isto não garantirás a presença de 342 deputados para iniciar a votação. Fará isto quando quiser.A base aliada quer aguardar pela saída de Janot, duia 17 de setembro, porque até lá a PGR poderá tentar abrir outra ação, que será de novo derrubada na CCJ, antes de seguir para o plenário, onde tudo poderá ser votado numa só sessão.

A oposição não tem 342 deputados para começar a sessão. 

Caso saia a votação, o governo precisa de 172 votos para barrar o pedido de Janot.

8 comentários:

Anônimo disse...

Isso aí vai ser a maior enrolação.

Anônimo disse...

O governo não precisa de nenhum voto. A oposição é que precisa de 342.

Mordaz disse...

Um país de corruptos. Lastimável a falta de futuro deste país. Que povinho impressionante!!!

Anônimo disse...

Isso é só mi-mi-mi, o que querem mesmo é imunidade vitalícia.

Anônimo disse...

Notícia de Claudio Humberto:
Autoridades brasileiras prepararam um flagrante em Nova Yorque para ferrar Temer e livrar a cara de Joesley na América.
Temer não foi e aí divulgaram aquele mesmo feito aqui.
Eis o fato novo que o governo estava esperando.

Anônimo disse...

O inimigo do Traíra não é a oposição, é a Rede Globo. Ela vai fazer Deputados da base aliada mudar o voto, vai ser uma debandada ou a Globo vai oferecer a cabeça deles no JN.

Só o lula resiste a Rede Globo, Revista Veja, Estadão, enfim midia marrom glace em geral.

Anônimo disse...

E tú resiste a ditadura do LULA, anonimo das 11:45!

Anônimo disse...

Quem precisa de 342 votos é a Rede Globo, não é a oposição. A oposição quer mais que a Rede Globo, o traira/PMDB, junto com o PSDB, PP (Ana Amélia), PR (Lasier Martins) DEMOs, PPS, PRB, PDT, PSDB, PSC (Bolsonaro), PSD, PTF se fod....todos. Estão tirando dos pobres e trabalhadores para dar para os ricos.

Em menos de um ano os pobres, trabalhadores, mulheres, negros, enfim, os quatro Ps (Petro, Pobre, Petista e Put) vão sentir os trolhaço que levaram, ou seja, se não cairem na real vão afundar ainda mais, ou seja, ou eles vão de PT ou vão padecer.