Gramado entra em estado de calamidade pública. Dezenas de moradores estão desalojadas.

Esta casa caiu e os moradores morreram.

O prefeito Nestor Tissot decretou estado de calamidade pública em Gramado.

Rachaduras vem aparecendo nas ruas de cidade, dezenas de pessoas foram retiradas de casa e um prédio desabou no bairro Três Pinheiros, ontem, tudo depois que no início da semana uma casa soterrou mãe e filha após desabar. Ambas morreram. Os problemas são recorrentes em vários bairros. Gramado é entrecortado por encostas e construções pipocam em todas elas.

O prédio que desabou é de alto padrão. Os moradores escaparam porque saíram de seus apartamentos no domingo.

Pelo menos 154 pessoas foram desalojadas.

Há muita apreensão e tensão em Gramado.

18 comentários:

Anônimo disse...

Enquanto isso, calamidade tb em Brasília

Flávio Dino para o STF e Gonet para PGR.

Mais duas flores pra enfeitar a "casinha" que antigamente ficava lá no fundo do quintal..
💩💩

Anônimo disse...

Trata-se da ocupação irregular do solo. Um problema que atinge a maioria das cidades brasileiras. A Natureza cobra muito caro pela neglicencia e pela ganância. A GloboLixo, sem nunca explicar cientificamente e com seriedade como chegou a essas conclusões, achou uma esfarrapada desculpa para a ignorância, para a ineficiência e burrice de nossos administradores públicos e culpa o tal 'Aquecimento Global' e as 'Mudanças Climáticas'. É uma zorra total!

Viajante disse...

É...! Acho que está na hora de repensarem a fúria do setor imobiliário nestas cidades turísticas. Não existe barranco, encosta, buraco, vale onde não enfiam obras.

Anônimo disse...

Que vergonha tentaram esconder a tragédia em nome do Papai Noel?
Que vergonha.

Não peçam ajuda aos Lula nem ao leite.
Riquinhos sofrendo?

não desejo nada disso a ninguém.

lembram do filme Tubarão. Lembram do prefeito da cidade que dizia que era fake o tubarão. não mudou nada.

vergonha. vergonha.

Anônimo disse...

E cadê as construtoras e engenheiros (i)responsáveis por essas edificações? E os que assinaram as autorizações por parte da prefeitura? Ninguém será convocado a dar explicações???

ANTI PETRALHA disse...

MUITO SENSACIONALISMO!
ESSE PRÉDIO ESTAVA CONDENADO HÁ DÉCADAS!
QUEM SE BENEFICIARÁ SERÁ CANELA!

Anônimo disse...

um prédio construído daquele jeito em uma encosta: foram feitos estudos sobre as condições do local para construir? foi analisado o solo? quem deu a licença?

Anônimo disse...

Bobageira. Não é nada disso

Anônimo disse...

🎯

Anônimo disse...

🎯

Anônimo disse...

🎯

Anônimo disse...

🎯

Anônimo disse...

Agora o peninha comuno-palhaço demitido a bem da audiência pública vai encher o peito e falar mesmo muito mal de Gramado e à vontade …

Anônimo disse...

Em uma encosta inclinada sem nenhuma rocha firme por baixo, isto era uma tragédia anunciada. Sempre que vou procurar um imóvel para morar procuro locais mais planos, sem evidências anteriores de rachaduras nos mesmos e que tenham possibilidade de danos por inevitáveis efeitos da natureza. É tão simples e óbvio.

Anônimo disse...

Tudo prescrito sr especialista de poltrona e fiel assistente da rede baita sol … a tv te deixa burro demais !!

Anônimo disse...

Esta obra estava construída, figuradamente, sobre um firme e confiável arcabouço da mesma natureza daquele imposto por nosso ordenamento jurídico que é embasado na firme rocha moral que é o infinitamente destrutivo buraco negro dos gênios vermelhos de Brasília.

Anônimo disse...

O bom do estado de calamidade pública é que a prefeitura pode gastar onde quiser sem votação nem licitação.

Carlo Germani disse...

Qualquer profissional raiz em engenharia,atesta a insanidade de construir imóvel em encosta de morro.

Análise de solo,fundações adequadas,topografia,...,tudo isso foi ignorado causando essas tragédias anunciadas.