Juíza manda força policial expulsar invasores do Hotel Açores, Porto Alegre

Esta é a segunda invasão do mesmo grupo em apenas 30 dias. É chegada a hora de identificar seus líderes e responsabilizá-los civil e criminalmente pela afronta repetida à lei e à ordem.

A juíza Luciane Marcon Tomazelli, da 1ª Vara Cível do Foro Central de Porto Alegre, expediu nesta segunda-feira, o mandado de desocupação compulsória e reintegração de posse do prédio do desativado Hotel Açores, na rua dos Andradas, ocupado desde o dia 4 deste mês pelo Movimento de Luta nos Bairros, Vilas e Favelas (MLB). Por ordem da magistrada, o mandado será cumprido mediante ação conjunta da Brigada Militar, do Conselho Tutelar e da assistência social do Município, e caberá aos proprietários (Hotel Açores S/A) providenciar meios para transportar os bens dos ocupantes.

10 comentários:

Anônimo disse...

Como assim os donos do hotel, ainda terão que gastar para se livrar desta gente.

Anônimo disse...

O dono do hotel providenciar transporte para os bens dos invasores?
Se quiserem eu peço para algumas transportadoras conhecidas minhas quebrar este galho- São as renomadas transportadoras familiares PÉ-NA-BUNDA, OLHO-DA-RUA, JÁ-VAI-TARDE, FICA-DEUS-ME-LIVRE, ATÉ SÃO NUNCA e PÉ-NA-COVA!

Anônimo disse...

Mas este prédio está abandonado que invadem a toda hora ?

Anônimo disse...

E os proprietários ainda são obrigados a providenciar o transporte dos bens dos invasores, além, é claro, de pagar pela limpeza de toda a sujeira deixada para trás.

Anônimo disse...

Pobres proprietários, vão perder duas vezes. Pelo menos.

Anônimo disse...

SÓ AQUI NO BANANÃO....

-e caberá aos proprietários (Hotel Açores S/A) providenciar meios para transportar os bens dos ocupantes.

E OS ESTRAGOS DENTRO DO PRÉDIO, FICA NA CONTA DO PROPRIETÁRIO...

DEMOCRACIA....AONDE...AQUI NO BANANÃO!!!! P.Q.P...O POVINHO....TÁ LOCO...

Anônimo disse...

No Rio de Janeiro é comum o caso de sequestro de prédios, movimentos "sociais" invadem/sequestram e depois vão negociar a liberação...
Vejam que além dos prejuízos com os advogados os donos terão que pagar para levar as tralhas dos invasores....

Anônimo disse...

Tá tudo virado de pernas pro ar mesmo. Já nem me surpreendo mais com essas decisões esdrúxulas como imputar aos proprietários o transporte das tralhas desta escumalha. Com o perdão dos mais sensíveis, e também de uma análise mais ampla do problema, mas isso se cria fundamentalmente em função das esmolas públicas (tipicas da esquerda que deles se nutre), e da falta de controle de natalidade. É duro, é cruel, mas até quando vamos tapar o sol com a peneira? Queremos sair do buraco? Quem sabe paramos de cavar.

Anônimo disse...

Só prejuízo para o cidadão já escorchados por altos impostos.
E o IPTU , na área central, é altíssimo.

Anônimo disse...

Como assim "prejuízos com os advogados" ??

Se alguém deu lucro nessa história foram SÓ os advogados !!

Tudo o resto foram prejuízos !!