Artigo - Saiba por que Lula não foi bom e nem ótimo

Neste artigo para O Estadão desta quinta, Roberto Macedo escreveu: "Se ouvido na última pesquisa sobre o desempenho do ex-presidente Lula, eu estaria entre os 17% que o viram de regular para baixo. Ao estudar, fui ensinado a não me iludir com aparências, e o que predomina é uma versão de ótimo e bom que não corresponde aos fatos. É evidente que a economia esteve melhor sob Lula. Mas dizer que foi por causa dele é outra história. Surfou em duas ondas muito favoráveis. A externa, um crescimento ímpar da economia mundial, trouxe não só um melhor desempenho do produto interno bruto (PIB), mas também a superação de grave problema com que o Brasil se deparava havia muitas décadas, a tal escassez de divisas, responsável por muitas crises econômicas... a outra boa onda foi no plano interno, vinda dos governos Collor, Itamar e FHC, com renegociação da dívida externa, ajustes nas finanças públicas, inclusive privatizações, e abertura da economia, dando-lhe maior estabilidade e eficiência. Lula nunca reconheceu bem essas boas ondas. Sofismando, toma o que veio de bom depois dele como resultado de sua ação. Como corolário, o ruim não é com ele.

CLIQUE AQUI para ler o artigo na íntegra.

BIER MARKT
O melhor de Porto Alegre no gênero, segundo Veja.
Chopes e cervejas artesanais, harmonizados com petiscos inspirados na gastronomia alemã.
Rua Castro Alves 442, fone 3013.2300. Site: WWW.biermarkt.com.br
- Agora com mais lugares.

10 comentários:

Anônimo disse...

Estadão? Quem vai confiar em imprensa parcial. É mais ou menos igual teu blog. Só confia ou dá crédito ao que esta escrito quem é do mesmo segmento. Do contrário, nem pensar...

SB disse...

É como eu digo, o Lula não fez nada. E por não fazer nada é que a coisa andou já que, pelo menos, ele deixou a coisa seguir como estava. Ele só teve a sorte de colher os frutos plantados pelos outros e levar a fama por isto como se os frutos tivesse sido "gerados" por ele do nada. Com certeza se o Lula tivesse sido eleito no lugar do FHC (e olha que não sou defensor ferrenho do FHC), com certeza a coisa seria muito diferente. Mas, por outro lado, a sorte foi do Brasil porque se tivesse acontecido isto aí sim o nosso país se enterrava de vez.

Anônimo disse...

lula o imperador.............

Anônimo disse...

O Lulla e o Tiririca podem dizer o mesmo: "Dei sorte".

SB disse...

Só para complementar, vou dizer aqui o que muita gente tem medo de dizer: o Lula é um vagabundo. Não no sentido ofensivo da palavra, mas sim no ato em si. Trabalhou muito pouco na vida, deu um jeito de se aposentar só porque perdeu um dedo e passou o resto da vida "mamando" nas tetas do partido e, mais recentemente e daqui para frente, nas tetas do governo. E fez o que pôde para se autopromover.
Ele é tão malandro que não foi nem guerrilheiro, já que guerrilheiro também dá trabalho.
A única coisa que ele tem de positivo é o fato de ser simpático. E foi isto que conquistou o povão, pouco instruído - com ajuda do Lula que investiu pouco na educação - mas ganhando uma graninha do bolsa-família.
Uma pena, mas a democracia é assim. As pessoas apanham (como na ditadura) mas pelo menos têm a possibilidade de aprender alguma coisa. Esperemos que acabem aprendendo. Um dia a farsa aparece.

Anônimo disse...

Anonimo das 17:49 vem aqui pra "confiar" !

Ora ! Vá procurar tua turma, se ainda não achaste procure no hgah.

Anônimo disse...

Lula, o melhor de todos. Não tem prá ninguém.

Anônimo disse...

Vindo de ti eu não esperaria outra coisa: sem nenhuma credibilidade devido ao total engajamento com tucanos e ódio doentio contra o PT.

Anônimo disse...

"Credibilidade" somente Polibio tem aqui, anonimo das 12:12 ! Polibio não fica escondido no anonimato.

Anônimo disse...

Nunca antes na história deste país houve presidente tão bom quanto Lula ! (apesar da opinião do Estadão e do editor).