Temer admite saída imediata de ministros sob investigação

O presidente Michel Temer admite que "alguns ministros"poderão deixar os cargos.