PIB da Argentina cresce e poderá fechar o ano em +2,5%

O governo Macri informou hoje que o resultado do PIB do primeiro trimestre confirmou que a economia argentina começa a recuperar-se depois de contrair 2,2% em 2016, reforçando a projeção de um crescimento de 2,5% em 2017. 

O PIB avançou 1,1% na comparação com o último trimestre de 2016, conforme os dados divulgados ontem pelo INDEC. Esse desempenho positivo foi impulsionado pelo crescimento de 1,4% do consumo e de 1,7% dos investimentos. Já o setor externo contribuiu negativamente para o crescimento do PIB, com alta 3,2% das importações ante uma expansão de 2,9% das exportações. Na comparação com o primeiro trimestre de 2016, a economia argentina expandiu 0,3%. Para os próximos trimestres, o governo argentino espera que o consumo e o investimento continuem impulsionando o crescimento do PIB.

6 comentários:

sempre mais disse...

Pois é, Macri não é esquerdista socialista comunista, como sua antecessora. As coisas lá vão melhoar, já aqui.....

Anônimo disse...

É só ter um governo minimamente honesto que a coisa anda.

Anônimo disse...

A Argentina , com Macri , está voltando a ser a ARGENTINA.!!!

Anônimo disse...

a grande Argentina sendo grande denovo, maravilha, poderia até anexar o rio grande

Anônimo disse...

E nós brasileiros vamos de mal a pior. Nossas Instituições não deixam o país crescer, pois estão comprometidas com as indicações partidárias. O povo que se dane ou aprendam a buscar por seus direitos e saibam votar.

Anônimo disse...

O pior é que este tipo de notícia não deixa nenhum político FDP corado de vergonha!!
Mas fico feliz que com tudo isto que está acontecendo aqui os nossos políticos continuam legislando para eles, pelo menos por alguém essa cambada de vagabundos, marginais e FDP deveriam legislar.